Fechar
Publicidade

Domingo, 5 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Mano Menezes assume as falhas do Alvinegro


Das Agências

24/03/2008 | 07:00


Depois da vitória sobre o Rio Claro, Mano Menezes reconheceu as deficiências do Corinthians. Segundo ele, o time não correspondeu às exigências da Fiel, que chegou a vaiar no segundo tempo. Apesar de tudo, o treinador acredita que, se a equipe assegurar uma das vagas à próxima fase do Paulistão, irá evoluir ainda mais no campeonato. “Quando você alcança um objetivo no futebol, a tendência é se soltar mais e se livrar da responsabilidade que um grande clube sempre impõe”, disse.

Menezes já havia apontado, no empate contra o Juventus, que o Corinthians dava sinais de algum comodismo. Ontem, ele atribuiu as dificuldades “a problemas técnicos” enfrentados pelos jogadores diante de um adversário ameaçado pelo rebaixamento. “Faltou um pouco de entrosamento, mas tivemos disposição e superação. É uma coisa que ninguém pode negar”, disse Menezes, ao analisar o futebol de quem chegou aos 30 pontos e se manteve no G-4 (é o mesmo número de pontos da Ponte Preta, que está acima num dos critérios de desempate do regulamento).

Menezes evitou análises individuais. “Se fosse necessário apontar apenas um destaque, não seria nada fácil. Talvez eu apontasse o Dentinho pelo gol dele”, acredita.

Agora, o Corinthians terá mais três jogos: Santos, Marília e Noroeste. O clássico diante do Santos, quarta-feira, na Vila, é teoricamente o mais complicado. No entanto, Menezes entende que prevalece o equilíbrio entre grandes e os chamados pequenos.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mano Menezes assume as falhas do Alvinegro

Das Agências

24/03/2008 | 07:00


Depois da vitória sobre o Rio Claro, Mano Menezes reconheceu as deficiências do Corinthians. Segundo ele, o time não correspondeu às exigências da Fiel, que chegou a vaiar no segundo tempo. Apesar de tudo, o treinador acredita que, se a equipe assegurar uma das vagas à próxima fase do Paulistão, irá evoluir ainda mais no campeonato. “Quando você alcança um objetivo no futebol, a tendência é se soltar mais e se livrar da responsabilidade que um grande clube sempre impõe”, disse.

Menezes já havia apontado, no empate contra o Juventus, que o Corinthians dava sinais de algum comodismo. Ontem, ele atribuiu as dificuldades “a problemas técnicos” enfrentados pelos jogadores diante de um adversário ameaçado pelo rebaixamento. “Faltou um pouco de entrosamento, mas tivemos disposição e superação. É uma coisa que ninguém pode negar”, disse Menezes, ao analisar o futebol de quem chegou aos 30 pontos e se manteve no G-4 (é o mesmo número de pontos da Ponte Preta, que está acima num dos critérios de desempate do regulamento).

Menezes evitou análises individuais. “Se fosse necessário apontar apenas um destaque, não seria nada fácil. Talvez eu apontasse o Dentinho pelo gol dele”, acredita.

Agora, o Corinthians terá mais três jogos: Santos, Marília e Noroeste. O clássico diante do Santos, quarta-feira, na Vila, é teoricamente o mais complicado. No entanto, Menezes entende que prevalece o equilíbrio entre grandes e os chamados pequenos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;