Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 29 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Sto.André: Figueiras terá semáforo inteligente, diz EPT


Hugo Cilo
Do Diário Do Grande ABC

29/05/2004 | 16:30


A EPT (Empresa Municipal de Trânsito e Transporte de Santo André) informou que os semáforos que serão instalados nos cruzamentos da rua das Figueiras com as ruas Padre Vieira e das Bandeiras, no bairro Jardim, funcionarão em um sistema inteligente.

A informação pode tranqüilizar motoristas e comerciantes que temem pelo agravamento do fluxo de trânsito no bairro quando os semáforos forem instalados, na segunda quinzena de julho. Em entrevista ao Diário, diversos usuários desses cruzamentos manifestaram o receio de que a colocação dos sinais pudesse congestionar a rua das Figueiras e adjacências, principalmente nos horários de pico.

A EPT afirmou que a implantação do sistema eletrônico de semáforos é a única opção para reduzir as ocorrências de pequenos acidentes nestes locais. Entre 2002 e 2003, por exemplo, 19 acidentes aconteceram na esquina da Figueiras com a Padre Vieira. Dois deles, inclusive, casos de atropelamento. Já no cruzamento da rua das Figueiras com a rua das Bandeiras, foram 15 acidentes no período.

“Considero 34 acidentes em dois anos um número significativo pela fluidez daquele local”, avaliou o diretor de trânsito de Santo André, Edilson Factorim. Segundo ele, a instalação dos semáforos inteligentes não irá prejudicar o fluxo de veículos, já que o tempo de fechamento e abertura irá variar de acordo com a quantidade de carros. Esse sistema, segundo Factorim, também dá maior segurança aos motoristas durante a noite e madrugada, pois só há troca de fase com a passagem do veículo sobre uma espécie de detector colocado no asfalto.

O diretor de trânsito explicou que a decisão de instalar os semáforos nos cruzamentos se baseou em um estudo do Departamento de Trânsito, que aponta um excesso de colisões laterais em ambas as esquinas. Factorim garantiu que um banco de dados atualizados permanentemente fornece informações detalhadas sobre as características de cada ocorrência. “Geralmente, os acidentes são causados pelo desrespeito dos motoristas com a sinalização. A solução, sem dúvida, é a implantação de semáforos”, disse Factorim.

Zona azul – Mas antes mesmo da colocação dos novos semáforos, o bairro Jardim passará por outra modificações no trânsito. Oito ruas do bairro vão ganhar 378 vagas de zona azul, estacionamento rotativo.

O novo sistema começa a funcionar na próxima terça-feira, dia 1º de junho. Nos primeiros 15 dias, segundo a EPT, os fiscais evitarão aplicar multas e farão um trabalho de orientação. A implantação da zona azul no bairro significa um aumento de 27% no número de vagas rotativas na cidade, que passa a ter 1.776 reservas para a zona azul.

No bairro Jardim, serão instaladas 17 máquinas de emissão de cartão. O valor mínimo é de R$ 0,60, com direito a meia hora de estacionamento. O tempo máximo permitido é de duas horas, ao custo de R$ 2,40.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sto.André: Figueiras terá semáforo inteligente, diz EPT

Hugo Cilo
Do Diário Do Grande ABC

29/05/2004 | 16:30


A EPT (Empresa Municipal de Trânsito e Transporte de Santo André) informou que os semáforos que serão instalados nos cruzamentos da rua das Figueiras com as ruas Padre Vieira e das Bandeiras, no bairro Jardim, funcionarão em um sistema inteligente.

A informação pode tranqüilizar motoristas e comerciantes que temem pelo agravamento do fluxo de trânsito no bairro quando os semáforos forem instalados, na segunda quinzena de julho. Em entrevista ao Diário, diversos usuários desses cruzamentos manifestaram o receio de que a colocação dos sinais pudesse congestionar a rua das Figueiras e adjacências, principalmente nos horários de pico.

A EPT afirmou que a implantação do sistema eletrônico de semáforos é a única opção para reduzir as ocorrências de pequenos acidentes nestes locais. Entre 2002 e 2003, por exemplo, 19 acidentes aconteceram na esquina da Figueiras com a Padre Vieira. Dois deles, inclusive, casos de atropelamento. Já no cruzamento da rua das Figueiras com a rua das Bandeiras, foram 15 acidentes no período.

“Considero 34 acidentes em dois anos um número significativo pela fluidez daquele local”, avaliou o diretor de trânsito de Santo André, Edilson Factorim. Segundo ele, a instalação dos semáforos inteligentes não irá prejudicar o fluxo de veículos, já que o tempo de fechamento e abertura irá variar de acordo com a quantidade de carros. Esse sistema, segundo Factorim, também dá maior segurança aos motoristas durante a noite e madrugada, pois só há troca de fase com a passagem do veículo sobre uma espécie de detector colocado no asfalto.

O diretor de trânsito explicou que a decisão de instalar os semáforos nos cruzamentos se baseou em um estudo do Departamento de Trânsito, que aponta um excesso de colisões laterais em ambas as esquinas. Factorim garantiu que um banco de dados atualizados permanentemente fornece informações detalhadas sobre as características de cada ocorrência. “Geralmente, os acidentes são causados pelo desrespeito dos motoristas com a sinalização. A solução, sem dúvida, é a implantação de semáforos”, disse Factorim.

Zona azul – Mas antes mesmo da colocação dos novos semáforos, o bairro Jardim passará por outra modificações no trânsito. Oito ruas do bairro vão ganhar 378 vagas de zona azul, estacionamento rotativo.

O novo sistema começa a funcionar na próxima terça-feira, dia 1º de junho. Nos primeiros 15 dias, segundo a EPT, os fiscais evitarão aplicar multas e farão um trabalho de orientação. A implantação da zona azul no bairro significa um aumento de 27% no número de vagas rotativas na cidade, que passa a ter 1.776 reservas para a zona azul.

No bairro Jardim, serão instaladas 17 máquinas de emissão de cartão. O valor mínimo é de R$ 0,60, com direito a meia hora de estacionamento. O tempo máximo permitido é de duas horas, ao custo de R$ 2,40.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;