Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 12 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Metodista/São Bernardo conquista o tetra na Liga


Do Diário do Grande ABC

09/11/2009 | 07:07


Não foi como as jogadoras e a torcida esperavam, mas a Metodista comemorou ontem, no ginásio do Baetão, o tetracampeonato consecutivo da Liga Nacional Feminina de Handebol. O time de São Bernardo foi derrotado por 26 a 20 (6 a 11) pelo Blumenau/Furb, mas levantou o troféu graças à vantagem obtida na primeira partida, quando venceu as catarinenses por 25 a 17 em Brusque.

As donas da casa entraram em quadra ontem podendo perder por até oito gols de diferença que ficariam com o título. Mas o objetivo principal era vencer de forma invicta.

No primeiro tempo, dominaram completamente o jogo. Mas na segunda etapa as visitantes mostraram uma garra fora do comum e conquistaram a virada. "Nosso time não jogou. Parou após o intervalo", desabafou o técnico Eduardo Carlone.

Apesar da festa pelo título, o treinador manifestou a irritação pela derrota. "Tivemos uma campanha irrepreensível. Terminamos invictos a fase de classificação e fizemos três excelentes partidas, duas da semifinal e a primeira da decisão. Infelizmente, a nossa pior performance foi nos últimos 30 minutos da final. Não poderíamos ter tomado 20 gols no segundo."



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Metodista/São Bernardo conquista o tetra na Liga

Do Diário do Grande ABC

09/11/2009 | 07:07


Não foi como as jogadoras e a torcida esperavam, mas a Metodista comemorou ontem, no ginásio do Baetão, o tetracampeonato consecutivo da Liga Nacional Feminina de Handebol. O time de São Bernardo foi derrotado por 26 a 20 (6 a 11) pelo Blumenau/Furb, mas levantou o troféu graças à vantagem obtida na primeira partida, quando venceu as catarinenses por 25 a 17 em Brusque.

As donas da casa entraram em quadra ontem podendo perder por até oito gols de diferença que ficariam com o título. Mas o objetivo principal era vencer de forma invicta.

No primeiro tempo, dominaram completamente o jogo. Mas na segunda etapa as visitantes mostraram uma garra fora do comum e conquistaram a virada. "Nosso time não jogou. Parou após o intervalo", desabafou o técnico Eduardo Carlone.

Apesar da festa pelo título, o treinador manifestou a irritação pela derrota. "Tivemos uma campanha irrepreensível. Terminamos invictos a fase de classificação e fizemos três excelentes partidas, duas da semifinal e a primeira da decisão. Infelizmente, a nossa pior performance foi nos últimos 30 minutos da final. Não poderíamos ter tomado 20 gols no segundo."

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;