Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 20 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Amigos de Lucas torcem e rezam pela recuperação

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Camila Galvez
Do Diário do Grande ABC

04/11/2011 | 07:00


Na 5ª série C da Escola Municipal Engenheiro Carlos Rohm, em Ribeirão Pires, o desejo de todos os alunos é um só: que o colega Lucas Guizzardi, 10 anos, recupere-se rapidinho do transplante de medula óssea a que irá se submeter. "Quero que ele volte logo. Estou com saudades", disse a coleguinha Isabeli dos Santos Gomes, 11. 
Lucas foi internado na terça-feira no Hospital São Camilo, no bairro Pompéia, em São Paulo, onde deve realizar o procedimento que pode salvar sua vida. Ele tem leucemia linfoide aguda, um tipo de câncer no sangue, desde os 5 anos.

Incentivados pelos professores, os 29 colegas de sala escreveram cartas de apoio a Lucas. Elas foram entregues ontem à noite ao menino, no hospital. Segundo sua mãe, a técnica em gesso hospitalar Rosimar Guizzardi, 36, Lucas prometeu ler todas "com carinho".

Mas tem um recadinho especial que o menino pediu à equipe do Diário para levar até a escola. "Fala pra professora Michelle que mandei um beijo."

Michelle Traoquim Dias, 24, dá aulas de Português e ficou lisonjeada. "Ele está em débito comigo, porque falou que gostava mais das aulas de Educação Física. Agora ele quer se redimir", brincou.

A professora disse que Lucas é muito dedicado aos estudos. "Rezo muito para que ele seja forte e corajoso, pois nada nessa vida é por acaso."

Quem também aguarda ansioso pelo retorno do melhor amigo é o vizinho e colega de sala Matheus Marcondes, 11. Ele é o companheiro de Lucas no futebol, a paixão do menino, que deseja jogar no Santos no futuro. "Deixei um recadinho no MSN dele que falava assim: ‘Força Lucas, eu sei que você vai voltar'."

MENSAGENS

Os alunos se mobilizaram ontem para escrever mais mensagens para Lucas na lousa da sala: "Todos por você", "estamos com saudades" e "volte logo para nós".

Rosimar afirmou que, por enquanto, o filho não começou o procedimento que deve "matar" sua medula para dar lugar à nova. "Os médicos fizeram exames para saber se estava tudo bem com ele." Segundo a mãe, os resultados chegaram ontem e Lucas está pronto para o transplante. Devido ao feriado, porém, houve atraso no início da quimioterapia e é provável que o transplante não seja realizado na segunda-feira, dia do aniversário de Rosimar.

A equipe do Diário tentou falar com o médico responsável pelo procedimento desde terça-feira, mas não obteve retorno.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Amigos de Lucas torcem e rezam pela recuperação

Camila Galvez
Do Diário do Grande ABC

04/11/2011 | 07:00


Na 5ª série C da Escola Municipal Engenheiro Carlos Rohm, em Ribeirão Pires, o desejo de todos os alunos é um só: que o colega Lucas Guizzardi, 10 anos, recupere-se rapidinho do transplante de medula óssea a que irá se submeter. "Quero que ele volte logo. Estou com saudades", disse a coleguinha Isabeli dos Santos Gomes, 11. 
Lucas foi internado na terça-feira no Hospital São Camilo, no bairro Pompéia, em São Paulo, onde deve realizar o procedimento que pode salvar sua vida. Ele tem leucemia linfoide aguda, um tipo de câncer no sangue, desde os 5 anos.

Incentivados pelos professores, os 29 colegas de sala escreveram cartas de apoio a Lucas. Elas foram entregues ontem à noite ao menino, no hospital. Segundo sua mãe, a técnica em gesso hospitalar Rosimar Guizzardi, 36, Lucas prometeu ler todas "com carinho".

Mas tem um recadinho especial que o menino pediu à equipe do Diário para levar até a escola. "Fala pra professora Michelle que mandei um beijo."

Michelle Traoquim Dias, 24, dá aulas de Português e ficou lisonjeada. "Ele está em débito comigo, porque falou que gostava mais das aulas de Educação Física. Agora ele quer se redimir", brincou.

A professora disse que Lucas é muito dedicado aos estudos. "Rezo muito para que ele seja forte e corajoso, pois nada nessa vida é por acaso."

Quem também aguarda ansioso pelo retorno do melhor amigo é o vizinho e colega de sala Matheus Marcondes, 11. Ele é o companheiro de Lucas no futebol, a paixão do menino, que deseja jogar no Santos no futuro. "Deixei um recadinho no MSN dele que falava assim: ‘Força Lucas, eu sei que você vai voltar'."

MENSAGENS

Os alunos se mobilizaram ontem para escrever mais mensagens para Lucas na lousa da sala: "Todos por você", "estamos com saudades" e "volte logo para nós".

Rosimar afirmou que, por enquanto, o filho não começou o procedimento que deve "matar" sua medula para dar lugar à nova. "Os médicos fizeram exames para saber se estava tudo bem com ele." Segundo a mãe, os resultados chegaram ontem e Lucas está pronto para o transplante. Devido ao feriado, porém, houve atraso no início da quimioterapia e é provável que o transplante não seja realizado na segunda-feira, dia do aniversário de Rosimar.

A equipe do Diário tentou falar com o médico responsável pelo procedimento desde terça-feira, mas não obteve retorno.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;