Fechar
Publicidade

Sábado, 31 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Luiz Marinho anuncia Tarcisio e pede ajuda

Ricardo Trida/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Prefeito de S.Bernardo solicita a secretários ações políticas para alavancar pré-candidato do PT


Leandro Baldini
Do Diário do Grande ABC

02/10/2015 | 07:00


O prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), confirmou ao primeiro escalão do governo que o secretário de Serviços Urbanos, Tarcisio Secoli (PT), será o candidato do partido na concorrência pelo Paço no ano que vem e, de imediato, solicitou ao seu secretariado empenho para evitar que nome do petista figure como coadjuvante no processo eleitoral.

Preferido de Marinho, Tarcisio não consegue deslanchar em pesquisas de intenções de voto. Na última sondagem do Diário, realizada pelo DGABC Pesquisas, publicada em agosto, o pré-candidato do Paço somou 5,8% da preferência. A liderança ficou com o deputado federal Alex Manente (PPS), 39,3%. A segunda posição, com o deputado estadual Orlando Morando (PSDB), que registrou 22,8%.

Tarcisio não conseguiu obter vantagem nem mesmo no embate interno. O deputado estadual Luiz Fernando Teixeira (PT), que também teve nome colocado como possível representante da legenda, registrou mais popularidade junto ao eleitorado de São Bernardo, ao ser citado por 8,5% dos entrevistados.

A oficialização de Marinho ocorreu em reunião fechada, na quarta-feira, na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, com seu secretariado. O chefe do Executivo dialogou por mais de três horas com sua equipe.

No discurso, pediu comprometimento dos integrantes do alto escalão para impulsionar nome de Tarcisio, detalhando que, a partir de agora, o esforço é em torno de tom mais político na gestão das Pastas. Marinho exemplificou que a estratégia passa também por um maior diálogo e proximidade com os vereadores da base de sustentação. A composição, que foi formada com 20 dos 28 parlamentares, sofre atualmente desgaste. Alguns integrantes ameaçam deixar bloco e se unir à oposição.

O prefeito são-bernardense, porém, pediu aos seus subalternos que continuem trabalhando o nome de Luiz Fernando como possível candidato. Depois, revelou que o deputado deve exercer cargo de coordenação de campanha de Tarcisio.

CHIORO
A demissão de Arthur Chioro (PT) do Ministério da Saúde, ocorrida na terça-feira por telefone, também foi pauta na reunião de Marinho. Secretário de Saúde em São Bernardo por cinco anos antes de ser nomeado em Brasília, Chioro foi exonerado pela presidente Dilma Rousseff (PT). A Pasta foi para as mãos do deputado federal Marcelo Castro (PMDB-PI).

Marinho, que indicou Chioro para cargo no Planalto, falou ao seu secretariado que vai abrir as portas da administração para possível retorno do pupilo político.

O chefe do Executivo, no entanto, ressaltou que não vai exonerar do governo a atual titular do setor, Odete Gialdi, caso Chioro manifeste seu interesse em regressar ao governo petista.

Fora de Brasília, Chioro, que teve nome cogitado como candidato ao Paço do município, deve estar alinhado em projeto de candidatura à prefeitura de Santos. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;