Fechar
Publicidade

Sábado, 7 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Metalúrgicos querem renovar acordo na VW


Eric Fujita
Do Diário do Grande ABC

03/04/2006 | 08:43


O Sindicato dos Metalúrgicos do ABC (filiado à CUT) pretende entregar no final deste mês à direção da Volkswagen a pauta que reivindica a renovação da estabilidade de emprego aos funcionários da fábrica de São Bernardo. Com essa ação, os sindicalistas esperam iniciar em maio as negociações sobre a prorrogação da medida. A garantia de trabalho termina em 20 de novembro.

A pauta será elaborada depois da série de três assembléias organizada pela entidade, com a finalidade de buscar sugestões junto à categoria. O último encontro ocorrerá às 10h do dia 8 deste mês, com os trabalhadores do CFE (Centro de Formação e Estudos) e parte dos empregados da montagem final. As duas primeiras plenárias foram realizadas no sábado e domingo passados.

O vice-presidente do sindicato, Francisco Duarte de Lima, o Alemão, destacou que a entidade pretende traçar um calendário de negociações com a montadora a partir de maio. "É necessário definir as datas de reuniões para garantir a renovação desse acordo", disse. O sindicalista também é diretor da entidade na Volkswagen.

Alemão adiantou ainda que o sindicato discute com a categoria como serão as mobilizações para marcar a entrega da pauta de reivindicações. No entanto, ele preferiu não revelar maiores detalhes. O Diário apurou que a idéia é organizar uma grande manifestação na data de encaminhamento do documento, com todos os trabalhadores fazendo passeata rumo à direção da montadora.

Encontro – Paralelamente à elaboração da pauta, o sindicato continua trabalhando para conseguir uma reunião entre os presidentes da entidade, José Lopez Feijóo, e da Volkswagen, Hans-Christian Maergner. O encontro é uma tentativa de reaproximação com a empresa, após desgaste nas relações entre categoria e companhia, em razão da greve de 25 dias por PLR (Participação nos Lucros ou Resultados).

Organizada entre setembro e outubro do ano passado, a manifestação paralisou a produção da fábrica do Grande ABC. Na prática, o movimento grevista serviu para iniciar o debate sobre a renovação do acordo de estabilidade. A garantia de emprego foi firmada em 20 de novembro de 2001 e previu essa manutenção por cinco anos, mediante flexibilização da jornada e redução de salários. Atualmente, a unidade de São Bernardo tem 12,4 mil funcionários.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Metalúrgicos querem renovar acordo na VW

Eric Fujita
Do Diário do Grande ABC

03/04/2006 | 08:43


O Sindicato dos Metalúrgicos do ABC (filiado à CUT) pretende entregar no final deste mês à direção da Volkswagen a pauta que reivindica a renovação da estabilidade de emprego aos funcionários da fábrica de São Bernardo. Com essa ação, os sindicalistas esperam iniciar em maio as negociações sobre a prorrogação da medida. A garantia de trabalho termina em 20 de novembro.

A pauta será elaborada depois da série de três assembléias organizada pela entidade, com a finalidade de buscar sugestões junto à categoria. O último encontro ocorrerá às 10h do dia 8 deste mês, com os trabalhadores do CFE (Centro de Formação e Estudos) e parte dos empregados da montagem final. As duas primeiras plenárias foram realizadas no sábado e domingo passados.

O vice-presidente do sindicato, Francisco Duarte de Lima, o Alemão, destacou que a entidade pretende traçar um calendário de negociações com a montadora a partir de maio. "É necessário definir as datas de reuniões para garantir a renovação desse acordo", disse. O sindicalista também é diretor da entidade na Volkswagen.

Alemão adiantou ainda que o sindicato discute com a categoria como serão as mobilizações para marcar a entrega da pauta de reivindicações. No entanto, ele preferiu não revelar maiores detalhes. O Diário apurou que a idéia é organizar uma grande manifestação na data de encaminhamento do documento, com todos os trabalhadores fazendo passeata rumo à direção da montadora.

Encontro – Paralelamente à elaboração da pauta, o sindicato continua trabalhando para conseguir uma reunião entre os presidentes da entidade, José Lopez Feijóo, e da Volkswagen, Hans-Christian Maergner. O encontro é uma tentativa de reaproximação com a empresa, após desgaste nas relações entre categoria e companhia, em razão da greve de 25 dias por PLR (Participação nos Lucros ou Resultados).

Organizada entre setembro e outubro do ano passado, a manifestação paralisou a produção da fábrica do Grande ABC. Na prática, o movimento grevista serviu para iniciar o debate sobre a renovação do acordo de estabilidade. A garantia de emprego foi firmada em 20 de novembro de 2001 e previu essa manutenção por cinco anos, mediante flexibilização da jornada e redução de salários. Atualmente, a unidade de São Bernardo tem 12,4 mil funcionários.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;