Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 5 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

MST faz passeata em Porto Alegre e ocupa sede do Incra em Cuiabá


Do Diário OnLine
Com Agência Brasil

19/09/2006 | 11:37


Trezentos agricultores ligados ao MST (Movimento dos Trabalhadores Sem Terra), acampados desde a semana passada em frente ao Incra, em Porto Alegre, realizam nesta terça feira uma passeata para cobrar os assentamentos das famílias sem-terra e as verbas atrasadas para as escolas itinerantes.

Os sem-terra saíram do prédio do Incra e seguem em direção ao Palácio Piratini, onde protestam contra a omissão do governo estadual no processo de reforma agrária e pressionam por uma audiência com o governador Germano Rigotto.

Às 14 horas, os agricultores acampados participarão de reunião com o presidente do Incra, Rolf Hackbart, na sede do instituto, na capital gaúcha. A pauta será o atraso do assentamento de famílias  no Estado.

Os sem-terra também voltaram a ocupar a sede do Incra em Cuiabá, no Mato Grosso. Os manifestantes pedem a entrega de cestas básicas e que seja agilizado o processo de assentamentos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

MST faz passeata em Porto Alegre e ocupa sede do Incra em Cuiabá

Do Diário OnLine
Com Agência Brasil

19/09/2006 | 11:37


Trezentos agricultores ligados ao MST (Movimento dos Trabalhadores Sem Terra), acampados desde a semana passada em frente ao Incra, em Porto Alegre, realizam nesta terça feira uma passeata para cobrar os assentamentos das famílias sem-terra e as verbas atrasadas para as escolas itinerantes.

Os sem-terra saíram do prédio do Incra e seguem em direção ao Palácio Piratini, onde protestam contra a omissão do governo estadual no processo de reforma agrária e pressionam por uma audiência com o governador Germano Rigotto.

Às 14 horas, os agricultores acampados participarão de reunião com o presidente do Incra, Rolf Hackbart, na sede do instituto, na capital gaúcha. A pauta será o atraso do assentamento de famílias  no Estado.

Os sem-terra também voltaram a ocupar a sede do Incra em Cuiabá, no Mato Grosso. Os manifestantes pedem a entrega de cestas básicas e que seja agilizado o processo de assentamentos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;