Fechar
Publicidade

Sábado, 19 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Vento derruba 84 árvores em seis municípios da região


Daniel Macário
Do Diário do Grande ABC

27/02/2019 | 07:00


 O temporal na madrugada de ontem somado ao forte vento registrado durante a tarde provocaram a queda de 84 árvores em seis cidades da região: Santo André (41), São Bernardo (29), São Caetano (três), Diadema (duas), Mauá (quatro) e Ribeirão Pires (cinco). Além de causar a interdição de vias, os vegetais provocaram prejuízos materiais a moradores, que tiveram imóveis e carros afetados. Ninguém se feriu.

Em São Bernardo, a queda de árvore na Rua Carlos Del Prete, no cruzamento com a Rua João Pessoa, no Centro, danificou totalmente veículo estacionado na via, causando prejuízo de R$ 15 mil ao segurança Erandi Vieira de Araújo, 42 anos. “Foi perda total, por ser carro antigo, não tinha seguro. Ou seja, perdi um veículo que era minha paixão e não serei ressarcido disso pela administração municipal.” No mesmo bairro, outra queda de arbusto provocou a interdição da Rua Municipal.

Na Avenida Piraporinha, em Diadema, queda de árvore de aproximadamente 20 metros causou a interdição, por duas horas, da circulação de trólebus no Corredor ABD, sentido São Bernardo. A energia em vias paralelas também foi interrompida durante o incidente.

 

CONSÓRCIO

O Consórcio Intermunicipal do Grande ABC promoveu ontem capacitação sobre princípios de poda em árvores urbanas a servidores municipais da região. O conteúdo, voltado para técnicos das áreas de meio ambiente, Defesa Civil e serviços urbanos, foi ministrado pelo engenheiro agrônomo José Walter Figueiredo Silva, coordenador do Programa Município Verde Azul, desenvolvido pela Secretaria Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente.

Entre as principais orientações dadas, Figueiredo destacou a escolha correta das mudas a serem plantadas no ambiente urbano. Em relação às quedas de árvores, ele apontou a ocupação do entorno e a poda inadequada como fatores capazes de deixar o vegetal vulnerável. O engenheiro apontou os equipamentos de proteção e ferramentas indicados para que o trabalho seja realizado da forma correta.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Vento derruba 84 árvores em seis municípios da região

Daniel Macário
Do Diário do Grande ABC

27/02/2019 | 07:00


 O temporal na madrugada de ontem somado ao forte vento registrado durante a tarde provocaram a queda de 84 árvores em seis cidades da região: Santo André (41), São Bernardo (29), São Caetano (três), Diadema (duas), Mauá (quatro) e Ribeirão Pires (cinco). Além de causar a interdição de vias, os vegetais provocaram prejuízos materiais a moradores, que tiveram imóveis e carros afetados. Ninguém se feriu.

Em São Bernardo, a queda de árvore na Rua Carlos Del Prete, no cruzamento com a Rua João Pessoa, no Centro, danificou totalmente veículo estacionado na via, causando prejuízo de R$ 15 mil ao segurança Erandi Vieira de Araújo, 42 anos. “Foi perda total, por ser carro antigo, não tinha seguro. Ou seja, perdi um veículo que era minha paixão e não serei ressarcido disso pela administração municipal.” No mesmo bairro, outra queda de arbusto provocou a interdição da Rua Municipal.

Na Avenida Piraporinha, em Diadema, queda de árvore de aproximadamente 20 metros causou a interdição, por duas horas, da circulação de trólebus no Corredor ABD, sentido São Bernardo. A energia em vias paralelas também foi interrompida durante o incidente.

 

CONSÓRCIO

O Consórcio Intermunicipal do Grande ABC promoveu ontem capacitação sobre princípios de poda em árvores urbanas a servidores municipais da região. O conteúdo, voltado para técnicos das áreas de meio ambiente, Defesa Civil e serviços urbanos, foi ministrado pelo engenheiro agrônomo José Walter Figueiredo Silva, coordenador do Programa Município Verde Azul, desenvolvido pela Secretaria Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente.

Entre as principais orientações dadas, Figueiredo destacou a escolha correta das mudas a serem plantadas no ambiente urbano. Em relação às quedas de árvores, ele apontou a ocupação do entorno e a poda inadequada como fatores capazes de deixar o vegetal vulnerável. O engenheiro apontou os equipamentos de proteção e ferramentas indicados para que o trabalho seja realizado da forma correta.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;