Fechar
Publicidade

Domingo, 17 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Sindicato faz abaixo-assinado contra mensalidade escolar no Sesi


Do Diário OnLine

14/11/2006 | 17:28


O Sindicato dos Metalúrgicos do ABC deu início nesta terça-feira a um abaixo-assinado contra o fim do ensino gratuito oferecido aos filhos de funcionários da indústria nas escolas do Sesi (Serviço Social da Indústria) em São Paulo. Segundo o sindicato, os valores pagos pelos pais poderão chegar a até R$ 2,5 mil por ano.

Para o presidente do Conselho Nacional do Sesi, Jair Meneguelli, a medida é surpreendente, já que a entidade arrecada mais do que gasta. Segundo nota divulgada pelo Sindicato dos Metalúrgicos, no fechamento de 2005, o Sesi teve superávit de R$ 140 milhões e, em 2003 e 2005, o saldo também foi positivo.

De acordo com o sindicato, o abaixo-assinado é contra a cobrança de mensalidade e taxas escolares no Sesi, contra o risco de privatização da entidade e por um ensino de qualidade.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sindicato faz abaixo-assinado contra mensalidade escolar no Sesi

Do Diário OnLine

14/11/2006 | 17:28


O Sindicato dos Metalúrgicos do ABC deu início nesta terça-feira a um abaixo-assinado contra o fim do ensino gratuito oferecido aos filhos de funcionários da indústria nas escolas do Sesi (Serviço Social da Indústria) em São Paulo. Segundo o sindicato, os valores pagos pelos pais poderão chegar a até R$ 2,5 mil por ano.

Para o presidente do Conselho Nacional do Sesi, Jair Meneguelli, a medida é surpreendente, já que a entidade arrecada mais do que gasta. Segundo nota divulgada pelo Sindicato dos Metalúrgicos, no fechamento de 2005, o Sesi teve superávit de R$ 140 milhões e, em 2003 e 2005, o saldo também foi positivo.

De acordo com o sindicato, o abaixo-assinado é contra a cobrança de mensalidade e taxas escolares no Sesi, contra o risco de privatização da entidade e por um ensino de qualidade.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;