Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 28 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Mercedes estendeu até ontem prazo para PDV

Grande número de interessados justificou a oferta por mais um dia, segundo a empresa


Leone Farias
Fábio Munhoz

02/06/2015 | 07:00


A Mercedes-Benz estendeu até ontem a meio-dia o prazo de adesão ao PDV (Programa de Demissão Voluntária) na fábrica de São Bernardo para trabalhadores em lay-off.

A montadora havia reaberto o PDV na sexta-feira, que tinha ido até 15 de maio, por solicitação do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. O objetivo era que parte dos 500 trabalhadores suspensos e que estavam ameaçados de demissão – a empresa havia informado que iria rescindir o contrato desse pessoal até o dia 29 de maio – pudessem optar por aderir a pacote de R$ 55 mil de bonificação para se desligarem da empresa. Segundo a fabricante, a ampliação do prazo por mais um dia se deveu ao grande número de interessados nesse programa.

O sindicato disse que haverá manifestações durante esta semana para pressionar a companhia a reverter as demissões, mas não informou como será a mobilização. Além de decidir demitir esse grupo de funcionários, que já estavam em lay-off desde maio do ano passado, a fabricante informou que ainda tem outros 1.750 excedentes em atividade na fábrica. Isso sem contar outros 215 que também estavam suspensos há um ano e que, por terem estabilidade (têm doença profissional), permanecerão afastados até 30 de setembro.

GM

Segundo o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Caetano, Aparecido Inácio da Silva, o Cidão, foram iniciadas ontem as discussões com a direção da GM sobre a PLR (Participação nos Lucros e Resultados) da categoria. Ainda não foram discutidos valores. “Estamos conversando sobre as metas”, diz Cidão. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mercedes estendeu até ontem prazo para PDV

Grande número de interessados justificou a oferta por mais um dia, segundo a empresa

Leone Farias
Fábio Munhoz

02/06/2015 | 07:00


A Mercedes-Benz estendeu até ontem a meio-dia o prazo de adesão ao PDV (Programa de Demissão Voluntária) na fábrica de São Bernardo para trabalhadores em lay-off.

A montadora havia reaberto o PDV na sexta-feira, que tinha ido até 15 de maio, por solicitação do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. O objetivo era que parte dos 500 trabalhadores suspensos e que estavam ameaçados de demissão – a empresa havia informado que iria rescindir o contrato desse pessoal até o dia 29 de maio – pudessem optar por aderir a pacote de R$ 55 mil de bonificação para se desligarem da empresa. Segundo a fabricante, a ampliação do prazo por mais um dia se deveu ao grande número de interessados nesse programa.

O sindicato disse que haverá manifestações durante esta semana para pressionar a companhia a reverter as demissões, mas não informou como será a mobilização. Além de decidir demitir esse grupo de funcionários, que já estavam em lay-off desde maio do ano passado, a fabricante informou que ainda tem outros 1.750 excedentes em atividade na fábrica. Isso sem contar outros 215 que também estavam suspensos há um ano e que, por terem estabilidade (têm doença profissional), permanecerão afastados até 30 de setembro.

GM

Segundo o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Caetano, Aparecido Inácio da Silva, o Cidão, foram iniciadas ontem as discussões com a direção da GM sobre a PLR (Participação nos Lucros e Resultados) da categoria. Ainda não foram discutidos valores. “Estamos conversando sobre as metas”, diz Cidão. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;