Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 17 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Voto cruzado

O prefeito de Mauá, Oswaldo Dias (PT), já começa a sentir a dor de cabeça por ter trazido, mesmo a contragosto


Do Diário do Grande ABC

28/05/2010 | 00:00


O prefeito de Mauá, Oswaldo Dias (PT), já começa a sentir a dor de cabeça por ter trazido, mesmo a contragosto de integrantes da legenda, o PSB para o governo municipal. Principalmente os ainda defensores do ex-adversário Chiquinho do Zaíra, que trocou o PSB pelo PMN para disputar eleição a deputado federal. Oswaldo não esconde para ninguém que sua dobrada oficial no município será o ex-secretário de Obras Hélcio da Silva para federal e o deputado estadual Donisete Braga, que tenta mais um mandato na Assembleia. Isso sem falar em alguns candidatos da base aliada, que terão apoio informal do chefe do Executivo. O problema para os petistas da cidade é que, de uma hora para outra, Chiquinho passou a fazer parte da chapa oficial de muitos integrantes do lado governista em Mauá. Já está circulando na cidade adesivos de automóveis que mostram o ex-socialista ao lado de Donisete, como se sempre caminhassem juntos na política local. O difícil será explicar para o eleitor de Oswaldo, que tanto criticou Chiquinho, da inusitada parceria entre rival e aliado. Coisas da política...

Bastidores

Correção
A coluna errou ontem ao informar qual era a pretensão política inicial deste ano para o vereador da Capital Gabriel Chalita (PSB). Diferentemente do que foi publicado, o socialista planejava sair a senador, mas agora deverá brigar por cadeira na Câmara dos Deputados.

Imposto com destaque
A Assembleia aprovou na quarta-feira projeto de lei do deputado Orlando Morando (PSDB-São Bernardo) que obriga as companhias de energia elétrica e telefonia a colocarem nas contas, com destaque, os valores dos impostos pela prestação do serviço. "Antes, algumas empresas colocavam apenas as alíquotas, mas agora terão de colocar os valores. É um ganho importante para o consumidor", frisa o tucano. O projeto segue para sanção do governador Alberto Goldman (PSDB).

Lula aqui
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva estará mais uma vez neste ano em São Bernardo, seu berço eleitoral. Ele irá participar, na terça-feira, às 9h, da conferência mundial dos trabalhadores da Volkswagen, na sede da empresa. O que se fala nos meios políticos é que a presidenciável petista Dilma Rousseff não estará à tiracolo. É esperar para ver.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Voto cruzado

O prefeito de Mauá, Oswaldo Dias (PT), já começa a sentir a dor de cabeça por ter trazido, mesmo a contragosto

Do Diário do Grande ABC

28/05/2010 | 00:00


O prefeito de Mauá, Oswaldo Dias (PT), já começa a sentir a dor de cabeça por ter trazido, mesmo a contragosto de integrantes da legenda, o PSB para o governo municipal. Principalmente os ainda defensores do ex-adversário Chiquinho do Zaíra, que trocou o PSB pelo PMN para disputar eleição a deputado federal. Oswaldo não esconde para ninguém que sua dobrada oficial no município será o ex-secretário de Obras Hélcio da Silva para federal e o deputado estadual Donisete Braga, que tenta mais um mandato na Assembleia. Isso sem falar em alguns candidatos da base aliada, que terão apoio informal do chefe do Executivo. O problema para os petistas da cidade é que, de uma hora para outra, Chiquinho passou a fazer parte da chapa oficial de muitos integrantes do lado governista em Mauá. Já está circulando na cidade adesivos de automóveis que mostram o ex-socialista ao lado de Donisete, como se sempre caminhassem juntos na política local. O difícil será explicar para o eleitor de Oswaldo, que tanto criticou Chiquinho, da inusitada parceria entre rival e aliado. Coisas da política...

Bastidores

Correção
A coluna errou ontem ao informar qual era a pretensão política inicial deste ano para o vereador da Capital Gabriel Chalita (PSB). Diferentemente do que foi publicado, o socialista planejava sair a senador, mas agora deverá brigar por cadeira na Câmara dos Deputados.

Imposto com destaque
A Assembleia aprovou na quarta-feira projeto de lei do deputado Orlando Morando (PSDB-São Bernardo) que obriga as companhias de energia elétrica e telefonia a colocarem nas contas, com destaque, os valores dos impostos pela prestação do serviço. "Antes, algumas empresas colocavam apenas as alíquotas, mas agora terão de colocar os valores. É um ganho importante para o consumidor", frisa o tucano. O projeto segue para sanção do governador Alberto Goldman (PSDB).

Lula aqui
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva estará mais uma vez neste ano em São Bernardo, seu berço eleitoral. Ele irá participar, na terça-feira, às 9h, da conferência mundial dos trabalhadores da Volkswagen, na sede da empresa. O que se fala nos meios políticos é que a presidenciável petista Dilma Rousseff não estará à tiracolo. É esperar para ver.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;