Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 11 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Sertanejo jogado de prédio em Campinas morre no hospital


Do Diário OnLine
Com Agências

16/12/2004 | 07:56


O cantor sertanejo Kassiano Guerra, 38 anos, da dupla Kássio e Kassiano, morreu na quarta-feira no Hospital Mário Gatti. Ele foi jogado do primeiro andar do prédio onde mora em Campinas, no interior de São Paulo, no começo da semana.

Inicialmente os moradores do edifício pensaram tratar-se de tentativa de suicídio, porém Kassiano estava amordaçado e com as mãos amarradas. A polícia trabalha com as hipóteses de assalto, tentativa de seqüestro ou acerto de contas.

Logo que a vítima foi atirada de uma altura de quatro metros — ele caiu de cabeça no chão —, um homem desceu ao térreo e destruiu o interfone do prédio. Kassiano também apresentava sinais de espancamento.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sertanejo jogado de prédio em Campinas morre no hospital

Do Diário OnLine
Com Agências

16/12/2004 | 07:56


O cantor sertanejo Kassiano Guerra, 38 anos, da dupla Kássio e Kassiano, morreu na quarta-feira no Hospital Mário Gatti. Ele foi jogado do primeiro andar do prédio onde mora em Campinas, no interior de São Paulo, no começo da semana.

Inicialmente os moradores do edifício pensaram tratar-se de tentativa de suicídio, porém Kassiano estava amordaçado e com as mãos amarradas. A polícia trabalha com as hipóteses de assalto, tentativa de seqüestro ou acerto de contas.

Logo que a vítima foi atirada de uma altura de quatro metros — ele caiu de cabeça no chão —, um homem desceu ao térreo e destruiu o interfone do prédio. Kassiano também apresentava sinais de espancamento.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;