Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 20 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Violência e direitos humanos serão discutidos em seminário



22/06/2009 | 07:00


Como combater a violência sem violar os direitos humanos? Esse é o tema do VI Seminário Nacional de Psicologia e Direitos Humanos: nenhuma forma de violência vale a pena, aberto domingo e que encerra amanhã, em Brasília.

Três eixos norteiam as discussões: violências institucional e nos locais de isolamento, intolerância às diversidades culturais, sexuais e raciais e criminalização dos movimentos sociais. A conferência de abertura foi com o filósofo e sociólogo Edgar Morin, diretor emérito do CNRS (Centro Nacional de Investigação Científica da França).

Hoje, para falar de violência institucional e nos presídios, estarão entre os palestrantes a socióloga Julita Lemgruber, e a advogada Maria Amélia Teles, diretora da União de Mulheres de São Paulo, coordenadora do projeto Promotoras Legais Populares.

Amanhã, Gabriela Leite, socióloga, ex-prostituta, presidente da ONG DaVida e coordenadora da Daspu, grife criada com as prostitutas da região da Praça Tirandentes, no Rio de Janeiro, debaterá intolerância às diversidades culturais, sexuais e raciais.

O último debate será sobre criminalização dos direitos sociais, com a psicóloga Vera Vital Brasil, da equipe de assistência psicológica do Grupo Tortura Nunca Mais, entre outros.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;