Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 14 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Bombril estuda ampliação de fábrica


Cristiane Bomfim
Do Diário do Grande ABC

19/03/2008 | 07:05


Com o lançamento de uma nova linha de sabão em pó (a Tanto), a Bombril poderá ampliar o complexo fabril de São Bernardo. A decisão depende, entre outros fatores, do sucesso do produto. O investimento estipulado pela empresa seria de R$ 30 milhões a R$ 40 milhões e criaria 100 novos empregos.

 De acordo com o presidente da companhia, Gustavo Ramos, os municípios de Sete Lagoas, em Minas Gerais, e Abreu e Lima, em Pernambuco, também estão na concorrência. “O ideal seria que a ampliação fosse em São Bernardo porque é onde temos o nosso maior parque fabril. Além disso, tem a questão de logística: grande parte do consumo dos nossos produtos está na região Sudeste”, explica.

 A estimativa é de que o local seja definido até o fim deste ano. Isso porque, antes do investimento, a empresa espera atingir nesse período a marca de 2% de participação de mercado do produto, lançado na última semana. Por enquanto, a linha está sendo produzida por empresas terceirizadas no Interior e na Bahia.

 “O projeto está pronto. A previsão é de que depois da definição, as obras durem cerca de seis meses”, afirma o diretor de marketing da Bombril, Fernando Pires. Ramos revela, no entanto, que nas cidades concorrentes de São Bernardo o incentivo fiscal é maior e o custo da mão-de-obra mais baixo. “Para investirmos aqui é preciso uma compensação.”

 Segundo Pires, os testes da nova marca começaram há um ano e para o processo foram empregadas, só em São Bernardo, 80 pessoas.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Bombril estuda ampliação de fábrica

Cristiane Bomfim
Do Diário do Grande ABC

19/03/2008 | 07:05


Com o lançamento de uma nova linha de sabão em pó (a Tanto), a Bombril poderá ampliar o complexo fabril de São Bernardo. A decisão depende, entre outros fatores, do sucesso do produto. O investimento estipulado pela empresa seria de R$ 30 milhões a R$ 40 milhões e criaria 100 novos empregos.

 De acordo com o presidente da companhia, Gustavo Ramos, os municípios de Sete Lagoas, em Minas Gerais, e Abreu e Lima, em Pernambuco, também estão na concorrência. “O ideal seria que a ampliação fosse em São Bernardo porque é onde temos o nosso maior parque fabril. Além disso, tem a questão de logística: grande parte do consumo dos nossos produtos está na região Sudeste”, explica.

 A estimativa é de que o local seja definido até o fim deste ano. Isso porque, antes do investimento, a empresa espera atingir nesse período a marca de 2% de participação de mercado do produto, lançado na última semana. Por enquanto, a linha está sendo produzida por empresas terceirizadas no Interior e na Bahia.

 “O projeto está pronto. A previsão é de que depois da definição, as obras durem cerca de seis meses”, afirma o diretor de marketing da Bombril, Fernando Pires. Ramos revela, no entanto, que nas cidades concorrentes de São Bernardo o incentivo fiscal é maior e o custo da mão-de-obra mais baixo. “Para investirmos aqui é preciso uma compensação.”

 Segundo Pires, os testes da nova marca começaram há um ano e para o processo foram empregadas, só em São Bernardo, 80 pessoas.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;