Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 13 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Mercado espera ata do BC


Das Agências

22/10/2007 | 07:11


O evento mais aguardado da agenda econômica desta semana acontece na quinta-feira, com a divulgação da ata da última reunião do Copom (Comitê de Política Monetária), do Banco Central, que decidiu pela interrupção da política de corte de juros.

No dia seguinte, na Bolsa de Valores de São Paulo, a expectativa se dá pela estréia dos papéis da própria Bolsa.

Espera-se que o teor da ata detalhe os motivos e a visão dos diretores do BC que contribuíram para que o Copom optasse pela manutenção da taxa em 11,25% anuais, depois de mais de dois anos de flexibilização da política monetária.

Até quinta, porém, serão conhecidos outros dados. O primeiro, nesta segunda-feira, é a pesquisa Focus, do Banco Central, com as expectativas do mercado financeiro para os indicadores macroeconômicos para 2007, já consolidado para o mercado, e 2008.

O MDIC (Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior) também traz a público o saldo da balança comercial ao longo da terceira semana de outubro.

Na semana anterior, a diferença entre as exportações e as importações foi um superávit de US$ 1,060 bilhão. No período, foi embarcado o equivalente a US$ 3,010 bilhões e desembarcado volume no valor de US$ 1,950 bilhão. No ano, a balança já acumula um superávit da ordem de US$ 32,490 bilhões.

Ainda serão divulgados os números referentes à conta corrente do balanço de pagamentos de setembro e a entrada de investimentos estrangeiros diretos.

A Fundação Getúlio Vargas apontará a inflação de mercado no âmbito do IGP-M (Índice Geral de Preços ao Mercado) no período que compreende a segunda prévia do outubro.

A partir da quarta, a agenda volta a ficar mais carregada, pois o IBGE divulgará a inflação para o período de 30 dias até 15 de outubro pelo IPCA-15 e, na área fiscal, o Tesouro Nacional mostrará o superávit primário do Governo Central em setembro.

Na sexta-feira, a Fipe informará a taxa média de inflação para a Capital na terceira quadrissemana do mês.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mercado espera ata do BC

Das Agências

22/10/2007 | 07:11


O evento mais aguardado da agenda econômica desta semana acontece na quinta-feira, com a divulgação da ata da última reunião do Copom (Comitê de Política Monetária), do Banco Central, que decidiu pela interrupção da política de corte de juros.

No dia seguinte, na Bolsa de Valores de São Paulo, a expectativa se dá pela estréia dos papéis da própria Bolsa.

Espera-se que o teor da ata detalhe os motivos e a visão dos diretores do BC que contribuíram para que o Copom optasse pela manutenção da taxa em 11,25% anuais, depois de mais de dois anos de flexibilização da política monetária.

Até quinta, porém, serão conhecidos outros dados. O primeiro, nesta segunda-feira, é a pesquisa Focus, do Banco Central, com as expectativas do mercado financeiro para os indicadores macroeconômicos para 2007, já consolidado para o mercado, e 2008.

O MDIC (Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior) também traz a público o saldo da balança comercial ao longo da terceira semana de outubro.

Na semana anterior, a diferença entre as exportações e as importações foi um superávit de US$ 1,060 bilhão. No período, foi embarcado o equivalente a US$ 3,010 bilhões e desembarcado volume no valor de US$ 1,950 bilhão. No ano, a balança já acumula um superávit da ordem de US$ 32,490 bilhões.

Ainda serão divulgados os números referentes à conta corrente do balanço de pagamentos de setembro e a entrada de investimentos estrangeiros diretos.

A Fundação Getúlio Vargas apontará a inflação de mercado no âmbito do IGP-M (Índice Geral de Preços ao Mercado) no período que compreende a segunda prévia do outubro.

A partir da quarta, a agenda volta a ficar mais carregada, pois o IBGE divulgará a inflação para o período de 30 dias até 15 de outubro pelo IPCA-15 e, na área fiscal, o Tesouro Nacional mostrará o superávit primário do Governo Central em setembro.

Na sexta-feira, a Fipe informará a taxa média de inflação para a Capital na terceira quadrissemana do mês.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;