Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 23 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Geraldo Alckmin diz que
Vanessa Damo é parceira

Governador aparece em um vídeo na convenção do PMDB de
Mauá e causa frisson no PSDB; o evento reuniu 2 mil pessoas


Mark Ribeiro
do Diário do Grande ABC

24/06/2012 | 07:00


A convenção do PMDB para homologar a pré-candidatura da deputada estadual Vanessa Damo (PMDB) à Prefeitura de Mauá foi marcada por mensagem elogiosa do governador Geraldo Alckmin (PSDB) à parlamentar. Em vídeo, o tucano destacou o trabalho da peemedebista na Assembleia, chamando-a de "parceira". O evento reuniu aproximadamente 2.000 pessoas no Clube Independente.

Apesar de Vanessa integrar a base de sustentação ao governador no parlamento paulista, a declaração causou frisson no tucanato municipal, que na segunda-feira lançou o vereador Adimar José Silva, o Edimar da Reciclagem, como o candidato do PSDB a prefeito. Alckmin não enviou mensagem para a convenção de seu partido em Mauá e nem para nenhum correligionário do Estado - anunciou que só participará do ato de hoje em prol da candidatura de José Serra ao Paço da Capital.

"Foi uma demonstração de que, independentemente de questões partidárias, o governador reconhece nosso trabalho conjunto através de obras que dão resultados efetivos à população", discorreu a deputada, em referência à AME (Ambulatório Médico de Especialidades), à Fatec (Faculdade de Tecnologia) e à Etec (Escola Técnica Estadual) de Mauá.

Além do vídeo, a convenção peemedebista registrou a presença do prefeito de Rio Grande da Serra, Adler Kiko Teixeira (PSDB), justificada em razão da aliança firmada entre os partidos na menor cidade do Grande ABC pela pré-candidatura ao Executivo do tucano Gabriel Maranhão - Vanessa, coordenadora regional do PMDB, articulou a parceria em Rio Grande.

A mensagem de Alckmin causou estranheza no PSDB de Mauá. O presidente municipal da sigla, Márcio Canuto, chegou a chamar o vídeo de "farsa". "Tenho garantias da executiva estadual de que o governador não gravou mensagem para ninguém para ser utilizada em convenção. Para nenhum tucano, nenhum aliado, muito menos para ela (Vanessa)", declarou. "A gravação só pode ter sido feita em outra época, não para a convenção. Vou levar isso para o evento do José Serra para o governador tomar conhecimento."

Vanessa garantiu que o vídeo foi gravado quinta-feira, no Palácio dos Bandeirantes. O marido dela e presidente do PMDB mauaense, José Carlos Orosco Júnior, acrescentou que Alckmin foi avisado de que a mensagem seria transmitida na convenção. "Farsa é o projeto do PSDB de Mauá, que está a serviço do PT", rebateu.

Outro vídeo - Outra mensagem (menos polêmica, mas também de peso) veiculada na convenção foi a do vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB). No vídeo, o cacique peemedebista declara apoio incondicional à empreitada da correligionária. "Estará comigo na campanha", atestou Vanessa Damo. "Já até pedi ajuda a ele para abrir a renegociação da dívida de Mauá", revelou, sobre o débito de R$ 1,5 bilhão da Prefeitura.

Outros expoentes do PMDB, como o deputado federal Gabriel Chalita (pré-candidato a prefeito de São Paulo) e Paulo Skaf (cotado para concorrer ao governo do Estado em 2014), participaram da convenção. O ato foi encerrado com uma reza.

 

Leonel Damo desiste de disputar eleição para vereador

Pai de Vanessa Damo, o ex-prefeito de Mauá Leonel Damo (PMDB) desistiu ontem de se candidatar a vereador para a eleição de 7 de outubro. Aos 80 anos, mais da metade deles na política, o peemedebista abdica de tentar retornar à Câmara após 37 anos para se dedicar à família.

Depois da convenção do PMDB, Damo disse à imprensa que só anunciaria sua decisão de disputar ou não a eleição amanhã. No entanto, sua filha antecipou o veredicto. "É momento para ele curtir a família, a minha mãe. Respeito a decisão dele", afirmou Vanessa, revelando que, em conversa momentos antes do ato, seu pai informou a desistência.

Apesar de fora da disputa por cargo eletivo, Leonel Damo ressaltou que estará no palanque da filha "em todos os comícios". A exemplo do que havia feito durante a semana, defendeu a pré-candidatura de Vanessa dizendo que "a mulher é mais trabalhadeira do que o homem". "É a vez da mulher", sentenciou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Geraldo Alckmin diz que
Vanessa Damo é parceira

Governador aparece em um vídeo na convenção do PMDB de
Mauá e causa frisson no PSDB; o evento reuniu 2 mil pessoas

Mark Ribeiro
do Diário do Grande ABC

24/06/2012 | 07:00


A convenção do PMDB para homologar a pré-candidatura da deputada estadual Vanessa Damo (PMDB) à Prefeitura de Mauá foi marcada por mensagem elogiosa do governador Geraldo Alckmin (PSDB) à parlamentar. Em vídeo, o tucano destacou o trabalho da peemedebista na Assembleia, chamando-a de "parceira". O evento reuniu aproximadamente 2.000 pessoas no Clube Independente.

Apesar de Vanessa integrar a base de sustentação ao governador no parlamento paulista, a declaração causou frisson no tucanato municipal, que na segunda-feira lançou o vereador Adimar José Silva, o Edimar da Reciclagem, como o candidato do PSDB a prefeito. Alckmin não enviou mensagem para a convenção de seu partido em Mauá e nem para nenhum correligionário do Estado - anunciou que só participará do ato de hoje em prol da candidatura de José Serra ao Paço da Capital.

"Foi uma demonstração de que, independentemente de questões partidárias, o governador reconhece nosso trabalho conjunto através de obras que dão resultados efetivos à população", discorreu a deputada, em referência à AME (Ambulatório Médico de Especialidades), à Fatec (Faculdade de Tecnologia) e à Etec (Escola Técnica Estadual) de Mauá.

Além do vídeo, a convenção peemedebista registrou a presença do prefeito de Rio Grande da Serra, Adler Kiko Teixeira (PSDB), justificada em razão da aliança firmada entre os partidos na menor cidade do Grande ABC pela pré-candidatura ao Executivo do tucano Gabriel Maranhão - Vanessa, coordenadora regional do PMDB, articulou a parceria em Rio Grande.

A mensagem de Alckmin causou estranheza no PSDB de Mauá. O presidente municipal da sigla, Márcio Canuto, chegou a chamar o vídeo de "farsa". "Tenho garantias da executiva estadual de que o governador não gravou mensagem para ninguém para ser utilizada em convenção. Para nenhum tucano, nenhum aliado, muito menos para ela (Vanessa)", declarou. "A gravação só pode ter sido feita em outra época, não para a convenção. Vou levar isso para o evento do José Serra para o governador tomar conhecimento."

Vanessa garantiu que o vídeo foi gravado quinta-feira, no Palácio dos Bandeirantes. O marido dela e presidente do PMDB mauaense, José Carlos Orosco Júnior, acrescentou que Alckmin foi avisado de que a mensagem seria transmitida na convenção. "Farsa é o projeto do PSDB de Mauá, que está a serviço do PT", rebateu.

Outro vídeo - Outra mensagem (menos polêmica, mas também de peso) veiculada na convenção foi a do vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB). No vídeo, o cacique peemedebista declara apoio incondicional à empreitada da correligionária. "Estará comigo na campanha", atestou Vanessa Damo. "Já até pedi ajuda a ele para abrir a renegociação da dívida de Mauá", revelou, sobre o débito de R$ 1,5 bilhão da Prefeitura.

Outros expoentes do PMDB, como o deputado federal Gabriel Chalita (pré-candidato a prefeito de São Paulo) e Paulo Skaf (cotado para concorrer ao governo do Estado em 2014), participaram da convenção. O ato foi encerrado com uma reza.

 

Leonel Damo desiste de disputar eleição para vereador

Pai de Vanessa Damo, o ex-prefeito de Mauá Leonel Damo (PMDB) desistiu ontem de se candidatar a vereador para a eleição de 7 de outubro. Aos 80 anos, mais da metade deles na política, o peemedebista abdica de tentar retornar à Câmara após 37 anos para se dedicar à família.

Depois da convenção do PMDB, Damo disse à imprensa que só anunciaria sua decisão de disputar ou não a eleição amanhã. No entanto, sua filha antecipou o veredicto. "É momento para ele curtir a família, a minha mãe. Respeito a decisão dele", afirmou Vanessa, revelando que, em conversa momentos antes do ato, seu pai informou a desistência.

Apesar de fora da disputa por cargo eletivo, Leonel Damo ressaltou que estará no palanque da filha "em todos os comícios". A exemplo do que havia feito durante a semana, defendeu a pré-candidatura de Vanessa dizendo que "a mulher é mais trabalhadeira do que o homem". "É a vez da mulher", sentenciou.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;