Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 20 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Com coronavírus, Luana Piovani diz que não tinha medo de ficar doente: - Eu obedeci as regras, mesmo tendo burlado



24/09/2020 | 16:10


Ainda isolada por conta de seu diagnóstico de coronavírus, Luana Piovani, que foi detonada por José de Abreu, fez uma live em seu canal do YouTube para responder perguntas de seus fãs. Primeiro, ela atualizou todo mundo sobre o seu estado de saúde:

- Eu tô com Covid, mas tô bem, graças a Deus! Tô com sintomas brandos, poucos, não tantos. Perdi meu olfato anteontem. Mas tô bem. Eu fico preocupada de as crianças não pegarem, porque é difícil lidar com eles. Crianças, né. Mas está tudo dando certo, na medida do possível. Vai ser o que tiver que ser, dentro do possível.

Depois, uma pessoa quis saber se ela teve medo de se contaminar com a doença enquanto fazia diversas viagens:

- Cara, não. Eu obedeci as regras, mesmo tendo burlado, porque eu pude tomar o sorvete, andei de bicicleta. Eu não tinha medo, porque eu sempre me soube saudável, sempre acreditei nessa maior parte das pesquisas que mostram que a maior parte das pessoas que tem hábitos saudáveis, uma saúde acima do normal, estariam mais seguras em relação ao pegar o vírus. (...) Mas eu sempre me preocupei com os meus pais. Mas ao mesmo tempo fiz a escolha de fazer todas aquelas viagens, aproveitar o meu primeiro verão de férias na Europa, porque ano passado eu estava com as crianças e estava tudo bem mais complicado. Eu estava trabalhando também. E é aquela coisa, a gente sempre tem aquele pensando de que com a gente não vai acontecer.

Em seguida, a atriz acrescentou:

- Pior do que eu ter sintomas seria se eu tivesse passado pra alguém. Mas em nenhum momento eu achei que fosse pegar. Eu imaginava que, caso eu pegasse, nada seria tão grave.

Luana ainda citou uma batalha árdua que teve com o ex-marido, Pedro Scooby:

- O ser humano tem um certo senso de responsabilidade e de consequência, que nem faz parte muito da minha personalidade, não. Mas eu não estava aguentando - depois da quarentena, depois desse grito de alforria que eu consegui depois da batalha árdua que eu tive com o Pedro, dividir a responsabilidade e a alegria da criação das crianças - a possibilidade de estar de férias, morando na Europa, (...) com as minhas crianças bem com o pai, com a minha relação com o pai melhorando, enfim. Então eu fui com tudo, gente. Eu abri as minhas asas e me joguei do despenhadeiro. E é isso, peguei o Covid, tô lidando com ele.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Com coronavírus, Luana Piovani diz que não tinha medo de ficar doente: - Eu obedeci as regras, mesmo tendo burlado


24/09/2020 | 16:10


Ainda isolada por conta de seu diagnóstico de coronavírus, Luana Piovani, que foi detonada por José de Abreu, fez uma live em seu canal do YouTube para responder perguntas de seus fãs. Primeiro, ela atualizou todo mundo sobre o seu estado de saúde:

- Eu tô com Covid, mas tô bem, graças a Deus! Tô com sintomas brandos, poucos, não tantos. Perdi meu olfato anteontem. Mas tô bem. Eu fico preocupada de as crianças não pegarem, porque é difícil lidar com eles. Crianças, né. Mas está tudo dando certo, na medida do possível. Vai ser o que tiver que ser, dentro do possível.

Depois, uma pessoa quis saber se ela teve medo de se contaminar com a doença enquanto fazia diversas viagens:

- Cara, não. Eu obedeci as regras, mesmo tendo burlado, porque eu pude tomar o sorvete, andei de bicicleta. Eu não tinha medo, porque eu sempre me soube saudável, sempre acreditei nessa maior parte das pesquisas que mostram que a maior parte das pessoas que tem hábitos saudáveis, uma saúde acima do normal, estariam mais seguras em relação ao pegar o vírus. (...) Mas eu sempre me preocupei com os meus pais. Mas ao mesmo tempo fiz a escolha de fazer todas aquelas viagens, aproveitar o meu primeiro verão de férias na Europa, porque ano passado eu estava com as crianças e estava tudo bem mais complicado. Eu estava trabalhando também. E é aquela coisa, a gente sempre tem aquele pensando de que com a gente não vai acontecer.

Em seguida, a atriz acrescentou:

- Pior do que eu ter sintomas seria se eu tivesse passado pra alguém. Mas em nenhum momento eu achei que fosse pegar. Eu imaginava que, caso eu pegasse, nada seria tão grave.

Luana ainda citou uma batalha árdua que teve com o ex-marido, Pedro Scooby:

- O ser humano tem um certo senso de responsabilidade e de consequência, que nem faz parte muito da minha personalidade, não. Mas eu não estava aguentando - depois da quarentena, depois desse grito de alforria que eu consegui depois da batalha árdua que eu tive com o Pedro, dividir a responsabilidade e a alegria da criação das crianças - a possibilidade de estar de férias, morando na Europa, (...) com as minhas crianças bem com o pai, com a minha relação com o pai melhorando, enfim. Então eu fui com tudo, gente. Eu abri as minhas asas e me joguei do despenhadeiro. E é isso, peguei o Covid, tô lidando com ele.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;