Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

DuPont vai construir fábrica de lycra em Paulínia


Do Diário do Grande ABC

13/10/1999 | 14:30


A DuPont vai investir numa nova fábrica de lycra no Brasil. A unidade será construída no Interior de Sao Paulo, em Paulínia, onde a empresa já possui um fábrica da fibra têxtil. Os detalhes do projeto serao anunciados esta quinta-feira (14) pelo presidente da DuPont do Brasil, Eduardo Wanick.

A produçao será voltada para o mercado local, com potencial para exportaçao, basicamente para América do Sul.

A construçao da nova unidade é parte do plano de reposicionamento global da DuPont, que está deixando setores tradicionais de atuaçao, como o de petróleo, para se firmar como uma companhia de ciências da vida.

No Brasil, o grupo elegeu os setores de têxtil e agrícola como prioritários para investimentos.

A nova fábrica de Lycra será a quarta da DuPont no mundo a utilizar tecnologia de última geraçao, só aplicada atualmente em suas unidades nos EUA, Europa e Cingapura. Conforme o presidente da DuPont para a América Latina, Henrique Ubrig, revelou recentemente, a companhia deve, no mínimo, dobrar seus investimentos no Brasil para US$ 100 milhoes no próximo ano, dos cerca de US$ 50 milhoes investidos este ano.

Na área têxtil, o grupo DuPont desenvolveu mundialmente produtos como a Lycra,o náilon e o poliéster.

Em 1 de outubro, o grupo concluiu a incorporaçao da maior fabricante de sementes dos EUA, a Pioneer, num investimento de US$ 7,7 bilhoes. Presente no Brasil desde 1972, a Pioneer fornece sementes de milho híbrido para cerca de 40% da área plantada no país.

Ainda no setor de agronegócios, a DuPont também está estudando a possibilidade de construir um fábrica de proteína de soja no Brasil, para substituir o produto que atualmente é importado dos EUA.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;