Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 13 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Biscaro se retrata sobre suposto mensalão em Santo André


Teresa Pimenta
Do Diário do Grande ABC

28/09/2005 | 08:20


A Câmara de Santo André considerou satisfatória a retratação feita nesta terça pelo vereador Airton Biscaro (PSDB) sobre suposta denúncia de mensalão na Casa. O Legislativo não dispensou, porém, a apresentação da fita gravada na reunião do Fórum da Cidadania do ABC na qual o tucano teria acusado os colegas de receber dinheiro para votar a favor do governo João Avamileno (PT). Biscaro ocupou a tribuna e afirmou que foi alvo de uma "cilada" armada pela coordenadora do fórum, Maria Helena Musachio. Dirigindo-me de maneira pura e franca, me encontrei pressionado pelo ambiente hostil criado por ela", disse.

Maria Helena anunciou que vai apresentar a gravação nesta quinta, em reunião plenária do fórum. A única acusação que Biscaro admitiu foi ter dito que vereadores e candidatos, após o 1º turno das eleições de 2004, levaram suas planilhas de gastos para a Prefeitura. "Porém, não disse, em momento algum, que foram atendidos", destacou.

O tucano pediu desculpas aos demais parlamentares pelo que disse e pelo que não se lembra de ter dito. "Não me lembro de ter dito que colegas vereadores recebem dinheiro do governo municipal para votar projetos, mas, se fi-lo, me desculpo e me retrato". De forma global, retratou-se sobre todo o conteúdo da fita. "Me retrato também pelo total conteúdo da suposta fita". Para encerrar, pediu desculpas pelo constrangimento que possa ter causado.

Para a maioria dos vereadores, o caso está praticamente encerrado. "Ele (Biscaro) se retratou e, independentemente da fita, ficou claro que ele não foi ao fórum com objetivo de atacar quem quer que seja", disse José de Araújo (PMDB). Para Cláudio Malatesta (PT), a fita tem de ser ouvida apenas para se ter certeza de que não há nenhuma outra acusação. "Fiquei satisfeito com as explicações", disse.

Sobre a afirmação que atinge mais de perto os petistas, Malatesta afirmou não ter conhecimento de que alguém tivesse pedido que o Executivo pagasse gastos de campanha. O líder da bancada do PSDB, Marcos Medeiros, também quer ver o fim da crise. "Se nós, vereadores, que somos a parte ofendida, aceitamos a retratação, fica tudo certo".



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Biscaro se retrata sobre suposto mensalão em Santo André

Teresa Pimenta
Do Diário do Grande ABC

28/09/2005 | 08:20


A Câmara de Santo André considerou satisfatória a retratação feita nesta terça pelo vereador Airton Biscaro (PSDB) sobre suposta denúncia de mensalão na Casa. O Legislativo não dispensou, porém, a apresentação da fita gravada na reunião do Fórum da Cidadania do ABC na qual o tucano teria acusado os colegas de receber dinheiro para votar a favor do governo João Avamileno (PT). Biscaro ocupou a tribuna e afirmou que foi alvo de uma "cilada" armada pela coordenadora do fórum, Maria Helena Musachio. Dirigindo-me de maneira pura e franca, me encontrei pressionado pelo ambiente hostil criado por ela", disse.

Maria Helena anunciou que vai apresentar a gravação nesta quinta, em reunião plenária do fórum. A única acusação que Biscaro admitiu foi ter dito que vereadores e candidatos, após o 1º turno das eleições de 2004, levaram suas planilhas de gastos para a Prefeitura. "Porém, não disse, em momento algum, que foram atendidos", destacou.

O tucano pediu desculpas aos demais parlamentares pelo que disse e pelo que não se lembra de ter dito. "Não me lembro de ter dito que colegas vereadores recebem dinheiro do governo municipal para votar projetos, mas, se fi-lo, me desculpo e me retrato". De forma global, retratou-se sobre todo o conteúdo da fita. "Me retrato também pelo total conteúdo da suposta fita". Para encerrar, pediu desculpas pelo constrangimento que possa ter causado.

Para a maioria dos vereadores, o caso está praticamente encerrado. "Ele (Biscaro) se retratou e, independentemente da fita, ficou claro que ele não foi ao fórum com objetivo de atacar quem quer que seja", disse José de Araújo (PMDB). Para Cláudio Malatesta (PT), a fita tem de ser ouvida apenas para se ter certeza de que não há nenhuma outra acusação. "Fiquei satisfeito com as explicações", disse.

Sobre a afirmação que atinge mais de perto os petistas, Malatesta afirmou não ter conhecimento de que alguém tivesse pedido que o Executivo pagasse gastos de campanha. O líder da bancada do PSDB, Marcos Medeiros, também quer ver o fim da crise. "Se nós, vereadores, que somos a parte ofendida, aceitamos a retratação, fica tudo certo".

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;