Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Mauaense faz partida do ano por sonho da A-3 e emprego de atletas

Equipe precisa vencer Portuguesa Santista na Baixada para seguir viva


Felipe Simões
Do Diário do Grande ABC

10/09/2016 | 07:00


O Mauaense tem pela frente, às 15h, no Estádio Ulrico Mursa, em Santos, o jogo mais importante da temporada contra a Portuguesa Santista. O confronto de volta das quartas de final definirá não só a vida da equipe de Mauá na Segundona, equivalente à Quarta Divisão do Estadual, em busca do acesso à Série A-3, mas a dos atletas, que podem ficar desempregados com o fim da competição para a Locomotiva.

“É o jogo mais importante do ano porque envolve muita coisa. Envolve nosso emprego, nossa vida daqui para frente. Alguns podem ficar desempregados, outros têm algo em vista. Precisamos nos unir e superar as dificuldades para a gente conseguir o objetivo maior. Espero que a gente esteja numa tarde feliz e tenha êxito”, afirmou o atacante Romário.

Para evitar o pior, o Mauaense precisa vencer por dois gols de diferença na casa do adversário, já que foi superado por 1 a 0 em Mauá. Apesar da dificuldade, Romário garante que a equipe está confiante em bom resultado hoje.

“A expectativa é muito boa e temos perspectiva de sair com a vitória. Esperamos estar numa tarde feliz”, disse ele. “Sabemos a pressão que é jogar lá (em Santos), que é um campo acanhado. A torcida vai comparecer. Temos que ter mais atitude e iniciativa do jogo, porque precisamos dos gols”, concluiu.

Além de Romário, o técnico Jamelli deposita as esperanças de gols em Jorge Mauá, vice-artilheiro da Segundona, com 16 gols, um atrás de Willian, da Briosa.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mauaense faz partida do ano por sonho da A-3 e emprego de atletas

Equipe precisa vencer Portuguesa Santista na Baixada para seguir viva

Felipe Simões
Do Diário do Grande ABC

10/09/2016 | 07:00


O Mauaense tem pela frente, às 15h, no Estádio Ulrico Mursa, em Santos, o jogo mais importante da temporada contra a Portuguesa Santista. O confronto de volta das quartas de final definirá não só a vida da equipe de Mauá na Segundona, equivalente à Quarta Divisão do Estadual, em busca do acesso à Série A-3, mas a dos atletas, que podem ficar desempregados com o fim da competição para a Locomotiva.

“É o jogo mais importante do ano porque envolve muita coisa. Envolve nosso emprego, nossa vida daqui para frente. Alguns podem ficar desempregados, outros têm algo em vista. Precisamos nos unir e superar as dificuldades para a gente conseguir o objetivo maior. Espero que a gente esteja numa tarde feliz e tenha êxito”, afirmou o atacante Romário.

Para evitar o pior, o Mauaense precisa vencer por dois gols de diferença na casa do adversário, já que foi superado por 1 a 0 em Mauá. Apesar da dificuldade, Romário garante que a equipe está confiante em bom resultado hoje.

“A expectativa é muito boa e temos perspectiva de sair com a vitória. Esperamos estar numa tarde feliz”, disse ele. “Sabemos a pressão que é jogar lá (em Santos), que é um campo acanhado. A torcida vai comparecer. Temos que ter mais atitude e iniciativa do jogo, porque precisamos dos gols”, concluiu.

Além de Romário, o técnico Jamelli deposita as esperanças de gols em Jorge Mauá, vice-artilheiro da Segundona, com 16 gols, um atrás de Willian, da Briosa.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;