Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 18 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Viagens e ajuda à família são desejos para Mega da Virada

Nario Barbosa/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Prêmio deve ultrapassar R$ 300 mi; apostas se encerram às 17h de hoje e sorteio será às 20h


Aline Melo
Do Diário do Grande ABC

31/12/2019 | 07:00


O que você faria se ganhasse, sozinho, R$ 300 milhões? Essa é a pergunta que paira na cabeça de todos os apostadores da Mega da Virada, premiação da loteria federal que terá o ganhador – ou ganhadores – revelado no sorteio da noite de hoje.

A expectativa da Caixa é que o valor pago ultrapasse os R$ 300 milhões (em 2018, o prêmio chegou a R$ 302.536.382,66). Ontem, penúltimo dia para as apostas, as casas lotéricas da região permaneceram cheias e com filas. Entre os desejos manifestados pelos apostadores, os mais citados foram ajudar a família e realizar viagem.

Na Lotérica Vithal, no Parque Novo Oratório, em Santo André, o cobrador de ônibus aposentado Domingos Dias, 65 anos, aguardava para fazer o seu jogo. O munícipe costuma apostar na loteria com frequência e, se ganhar, pretende ajudar a família e viajar. “Vou mudar de vida. Ajudar quem precisa e não pensar só em mim”, afirmou. O auxiliar de expedição aposentado Ademilson Alves da Silva, 68, preferiu não fazer planos. “Primeiramente, deixa o dinheiro estar na conta. Depois a gente pensa.”

A lotérica pagou R$ 10,8 milhões para um ganhador em 2016 no jogo normal da Mega-Sena. A gerente do estabelecimento, Selma Pereira da Silva, 52, relatou que logo que o prêmio saiu o movimento aumentou bastante, mas foi normalizando com o passar do tempo. “Neste ano a gente percebeu maior número de apostadores nos últimos dias, quando a Caixa reforçou as propagandas”, pontuou.

Morador do Jardim Zaíra, em Mauá, o porteiro aposentado Geraldo Sales do Nascimento, 68, aguardava para fazer a aposta para um irmão na Lotérica Castelo, no mesmo bairro. “Sou evangélico e não jogo, mas espero que, se ele ganhar, ajude a pagar minhas dívidas”, declarou. A administradora Viviane Mauro, 28, da Vila Bocaina, planeja pagar as dívidas, viajar e ajudar a família. A dona de casa Angelica Machado, 29, moradora da Vila Cruzeiro, sonha em comprar uma casa, um carro e viajar. Em 2011, a lotérica premiou com R$ 177,6 milhões um apostador da Mega da Virada.

Em São Bernardo, a Nova Lotérica pagou em janeiro deste ano um dos 52 prêmios de R$ 5,818 milhões da Mega da Virada de 2018. A esteticista Tatiana Martins, 41, mora na vizinhança, mas não sabia do histórico positivo do estabelecimento. Se ganhar o prêmio, pretende ajudar um irmão e abrir uma clínica. “Tomara que dê sorte para mim também”, estimou.

A Mega da Virada não acumula. As apostas podem ser feitas em qualquer lotérica até as 17h (horário de Brasília) de hoje. Também é possível fazer as apostas pelo site da Caixa, com valores mínimos de R$ 30 e máximo de R$ 500. O sorteio será realizado a partir das 20h de hoje.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;