Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 4 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

São Bernardo busca o tetra frente ao Blumenau



05/11/2009 | 07:00


O Bradesco registrou no terceiro trimestre lucro líquido de R$ 1,811 bilhão, valor 5,2% inferior ao registrado em igual período de 2008. Em relação ao trimestre anterior, a queda é de 21,2%. O lucro líquido no acumulado do ano é de R$ 5,831 bilhões, crescimento de 0,2% na comparação com o lucro líquido ajustado dos nove primeiros meses de 2008.

Os ativos totais em setembro de 2009 chegaram a R$ 485,686 bilhões, crescimento de 14,9% em relação a igual mês do ano passado.

O patrimônio líquido em setembro de 2009 era de R$ 38,877 bilhões, 13,8% superior ao registrado entre julho e setembro do ano passado. Já o retorno anualizado sobre o patrimônio médio no terceiro trimestre ficou em 21,8%, ante 25,4%. O resultado bruto da intermediação financeira foi de R$ 4,679 bilhões.

A carteira de crédito total do Bradesco (incluindo avais e fianças) era de R$ 215,536 bilhões ao final de setembro, valor 10,2% superior ao registrado em igual mês do ano passado. As operações com pessoas físicas somavam R$ 75,528 bilhões e as com empresas, R$ 140,008 bilhões, crescimentos de, respectivamente, 8,2% e 11,3%.

A inadimplência do banco no trimestre ficou em 5%, ante 3,4% registrados em igual período do ano passado e dos 4,6% do segundo trimestre de 2009. O indicador leva em conta os atrasos superiores a 90 dias.

Nas operações de crédito com pessoas físicas, o índice de inadimplência subiu de 6,1% em setembro de 2008 para 7,6% em setembro.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

São Bernardo busca o tetra frente ao Blumenau


05/11/2009 | 07:00


O Bradesco registrou no terceiro trimestre lucro líquido de R$ 1,811 bilhão, valor 5,2% inferior ao registrado em igual período de 2008. Em relação ao trimestre anterior, a queda é de 21,2%. O lucro líquido no acumulado do ano é de R$ 5,831 bilhões, crescimento de 0,2% na comparação com o lucro líquido ajustado dos nove primeiros meses de 2008.

Os ativos totais em setembro de 2009 chegaram a R$ 485,686 bilhões, crescimento de 14,9% em relação a igual mês do ano passado.

O patrimônio líquido em setembro de 2009 era de R$ 38,877 bilhões, 13,8% superior ao registrado entre julho e setembro do ano passado. Já o retorno anualizado sobre o patrimônio médio no terceiro trimestre ficou em 21,8%, ante 25,4%. O resultado bruto da intermediação financeira foi de R$ 4,679 bilhões.

A carteira de crédito total do Bradesco (incluindo avais e fianças) era de R$ 215,536 bilhões ao final de setembro, valor 10,2% superior ao registrado em igual mês do ano passado. As operações com pessoas físicas somavam R$ 75,528 bilhões e as com empresas, R$ 140,008 bilhões, crescimentos de, respectivamente, 8,2% e 11,3%.

A inadimplência do banco no trimestre ficou em 5%, ante 3,4% registrados em igual período do ano passado e dos 4,6% do segundo trimestre de 2009. O indicador leva em conta os atrasos superiores a 90 dias.

Nas operações de crédito com pessoas físicas, o índice de inadimplência subiu de 6,1% em setembro de 2008 para 7,6% em setembro.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;