Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 16 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Páscoa abre quatro mil postos para promotores de venda


Do Diário do Grande ABC

25/01/2009 | 07:00


A Chocolates Garoto contrata, entre janeiro e abril cerca de 4.000 promotores de vendas, em todo o Brasil, para o período de Páscoa.

Os interessados em participar do processo seletivo deverão ficar atentos aos anúncios de vagas em agências de emprego na região onde residem e podem obter informações pelo site www.garoto.com.br.

Atuação - Os profissionais vão atuar no período de março a abril e devem ter habilidades para vendas, negociação com varejistas, divulgação de produtos, conhecimento sobre abastecimento e monitoramento do ponto-de-venda.

Na linha de produção, os contratos - com duração de três a seis meses - foram fechados nos meses de julho e novembro de 2008, e mais de 400 profissionais já estão atuando para reforçar a fabricação dos produtos de Páscoa.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Páscoa abre quatro mil postos para promotores de venda

Do Diário do Grande ABC

25/01/2009 | 07:00


A Chocolates Garoto contrata, entre janeiro e abril cerca de 4.000 promotores de vendas, em todo o Brasil, para o período de Páscoa.

Os interessados em participar do processo seletivo deverão ficar atentos aos anúncios de vagas em agências de emprego na região onde residem e podem obter informações pelo site www.garoto.com.br.

Atuação - Os profissionais vão atuar no período de março a abril e devem ter habilidades para vendas, negociação com varejistas, divulgação de produtos, conhecimento sobre abastecimento e monitoramento do ponto-de-venda.

Na linha de produção, os contratos - com duração de três a seis meses - foram fechados nos meses de julho e novembro de 2008, e mais de 400 profissionais já estão atuando para reforçar a fabricação dos produtos de Páscoa.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;