Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Oposição questiona e definição de vetos a LDO fica para hoje

Vereadores solicitaram vistas ao pedido da gestão Lauro sobre rejeição a alterações no Orçamento


Leandro Baldini
Do Diário do Grande ABC

31/08/2016 | 07:00


Pedido de vistas feito pela bancada de oposição em Diadema adiou para hoje a votação em definitivo da solicitação de vetos por parte do governo do prefeito Lauro Michels (PV), ao pacote de emendas modificativas à LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) para o ano que vem, estimada em R$ 1,3 bilhão e que foi aprovada no mês passado.

Ontem, os vereadores se reuniram em caráter extraordinário para definir sobre a proposta da gestão Lauro, que pede a rejeição a 42 alterações ao texto original, referentes ao Orçamento.

A solicitação partiu do oposicionista Manoel Eduardo Marinho, o Maninho (PT), que também rivaliza com Lauro na disputa eleitoral pelo comando do Executivo do município.

De acordo com a assessoria da Câmara, “o pedido de vista dá direito ao autor um prazo de até cinco dias para analisar a matéria antes da nova data para votação, mas, o prazo de 30 dias para votar os vetos acaba amanhã (hoje)”. Se não definirem por conclusão, os vetos de Lauro serão automaticamente aprovados, de acordo com lei municipal.

As principais modificações emplacadas ao Orçamento municipal foram justamente impostas pelos oposicionistas. O êxito foi obtido por reunirem maioria entre os parlamentares, devendo assim, assegurar hoje nova derrota a Lauro. A oposição detém 11 dos 21 votos parlamentares atualmente na Câmara. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Oposição questiona e definição de vetos a LDO fica para hoje

Vereadores solicitaram vistas ao pedido da gestão Lauro sobre rejeição a alterações no Orçamento

Leandro Baldini
Do Diário do Grande ABC

31/08/2016 | 07:00


Pedido de vistas feito pela bancada de oposição em Diadema adiou para hoje a votação em definitivo da solicitação de vetos por parte do governo do prefeito Lauro Michels (PV), ao pacote de emendas modificativas à LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) para o ano que vem, estimada em R$ 1,3 bilhão e que foi aprovada no mês passado.

Ontem, os vereadores se reuniram em caráter extraordinário para definir sobre a proposta da gestão Lauro, que pede a rejeição a 42 alterações ao texto original, referentes ao Orçamento.

A solicitação partiu do oposicionista Manoel Eduardo Marinho, o Maninho (PT), que também rivaliza com Lauro na disputa eleitoral pelo comando do Executivo do município.

De acordo com a assessoria da Câmara, “o pedido de vista dá direito ao autor um prazo de até cinco dias para analisar a matéria antes da nova data para votação, mas, o prazo de 30 dias para votar os vetos acaba amanhã (hoje)”. Se não definirem por conclusão, os vetos de Lauro serão automaticamente aprovados, de acordo com lei municipal.

As principais modificações emplacadas ao Orçamento municipal foram justamente impostas pelos oposicionistas. O êxito foi obtido por reunirem maioria entre os parlamentares, devendo assim, assegurar hoje nova derrota a Lauro. A oposição detém 11 dos 21 votos parlamentares atualmente na Câmara. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;