Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 25 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

São Caetano estreia hoje na Superliga

Ricardo Trida/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Time encara o Uniara, no Interior, com moral
e confiança pelo vice no Campeonato Paulista


Felipe Simões
Do Diário do Grande ABC

11/11/2014 | 07:00


Após a conquista do vice-campeonato no Paulista, o São Caetano chega com moral para a sua estreia na Superliga Feminina contra o Uniara, em Araraquara, às 20h. Na visão do técnico Hairton Cabral, o moral é uma faca de dois gumes – ao mesmo tempo em que dá confiança à equipe, faz com que os adversários se preparem mais para enfrentar o clube do Grande ABC.

“Sem dúvida que o moral da equipe se eleva. A Superliga é uma competição muito equilibrada. Mas os adversários ficam muito mais preparados para jogar com a gente”, comentou o treinador, que alertou para a velocidade do Uniara.

“É um time que joga arriscando muito na velocidade. Elas atuam com intensidade. É outro padrão de jogo. Com isso, acabam acontecendo mais erros, e é aí que temos de aproveitar. É um ritmo de jogo completamente diferente”, avisou.

Apesar de lamentar o pouco tempo para recuperar fisicamente a equipe, o técnico pediu superação e lembrou a partida contra o time do Interior no Milton Feijão, pelas quartas de final do Estadual – o São Caetano venceu por 3 sets a 0.

“Foi o nosso melhor jogo do campeonato. Mesmo quando jogamos contra o Sesi (na semifinal), não tinha o clima de rivalidade como tem entre nós e o Uniara. Temos de jogar no limite para conseguir a vitória. Vamos ter de ir para cima com tudo”, afirmou Hairton.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

São Caetano estreia hoje na Superliga

Time encara o Uniara, no Interior, com moral
e confiança pelo vice no Campeonato Paulista

Felipe Simões
Do Diário do Grande ABC

11/11/2014 | 07:00


Após a conquista do vice-campeonato no Paulista, o São Caetano chega com moral para a sua estreia na Superliga Feminina contra o Uniara, em Araraquara, às 20h. Na visão do técnico Hairton Cabral, o moral é uma faca de dois gumes – ao mesmo tempo em que dá confiança à equipe, faz com que os adversários se preparem mais para enfrentar o clube do Grande ABC.

“Sem dúvida que o moral da equipe se eleva. A Superliga é uma competição muito equilibrada. Mas os adversários ficam muito mais preparados para jogar com a gente”, comentou o treinador, que alertou para a velocidade do Uniara.

“É um time que joga arriscando muito na velocidade. Elas atuam com intensidade. É outro padrão de jogo. Com isso, acabam acontecendo mais erros, e é aí que temos de aproveitar. É um ritmo de jogo completamente diferente”, avisou.

Apesar de lamentar o pouco tempo para recuperar fisicamente a equipe, o técnico pediu superação e lembrou a partida contra o time do Interior no Milton Feijão, pelas quartas de final do Estadual – o São Caetano venceu por 3 sets a 0.

“Foi o nosso melhor jogo do campeonato. Mesmo quando jogamos contra o Sesi (na semifinal), não tinha o clima de rivalidade como tem entre nós e o Uniara. Temos de jogar no limite para conseguir a vitória. Vamos ter de ir para cima com tudo”, afirmou Hairton.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;