Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 2 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

G-12 adia conclusão de relatório da Saúde

Montagem/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Prometido para início do mês, estudo sobre equipamentos de Sto.André fica para o fim de março


Leandro Baldini
Do Diário do Grande ABC

16/02/2015 | 07:00


Documento prometido para o início deste mês, o relatório sobre a situação dos equipamentos públicos de Saúde de Santo André, de autoria do G-12 – ala de vereadores autoproclamados independentes – foi adiado para o fim de março. A postura é do presidente da Câmara e um dos líderes da ação, Ronaldo de Castro (PRB), que atribuiu a prorrogação à abrangência das análises. O tema se tornou um dos mais polêmicos ao governo Carlos Grana (PT) e já gerou desgaste político ao titular da Saúde, Homero Nepomuceno Duarte (PT).

“Decidimos por fazer mais visitas (em unidades) e optamos por ouvir mais o que têm a dizer os vereadores. Cada um passou a dar visão de uma ótica diferente. E o relatório tem vários itens. Passamos a fazer diante da situação chocante que nos deparamos. Principalmente o que é a realidade estrutural de cada equipamento”, alegou Ronaldo.

Também integrante do grupo, Roberto Rautenberg (PTB) deu versão diferente do colega oposicionista, expondo conflito na articulação. “Fui autor de requerimento de questionamentos ao Executivo, que serão fundamentais para o avanço do relatório”, explicou o petebista, que elaborou o pedido no dia 3. A Prefeitura tem 15 dias para emitir resposta oficial. Embora tenha assinado a demanda de Rautenberg, Ronaldo mostrou desconhecimento sobre o teor da petição parlamentar.

O ruído entre os vereadores foi detectado pelos situacionistas. A governista Elian Santana (Pros) fez uso da tribuna para atacar parlamentares do G-12, embora tenha feito parte dele durante o primeiro quadrimestre da legislatura. “Aqui na Casa tem vereadores de vários mandatos, que poderiam ter dado sua contribuição no passado e não fizeram. Agora, querem a todo momento destacar empenho por melhorias na Saúde. O prefeito tem lutado e vem promovendo ações de mudanças”, criticou.

Outro governista a defender o Exeutivo foi José Montoro Filho, o Montorinho (PT), porém de forma irônica. “O prefeito está tendo ciência das coisas que estão acontecendo no setor. Ele virá aqui fazer carinho na gente”, disse.

Em dezembro, vereadores do G-12 iniciaram vistorias por variados equipamentos da Saúde. Neste período, estiveram em seis locais e afirmaram que em cada um existem problemas graves em relação às condições de trabalho, atendimento ao munícipe e outras situações administrativas. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;