Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 26 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Prefeito de Ribeirão Pires lidera ranking


Cristiane Bomfim
Do Diário do Grande ABC

19/01/2009 | 07:03


Dos sete prefeitos do Grande ABC, Clóvis Volpi (PV-Ribeirão Pires) foi o que mais recebeu doações para a campanha eleitoral de pessoas que compõem o primeiro escalão da administração. Nove dos 16 atuais secretários municipais contribuíram financeiramente para a disputa e depositaram R$ 84.253 nas contas da candidatura.

Os valores das doações variaram de R$ 1.050 aos R$ 18 mil, cedidos por José Adão Alves, que comanda a Secretaria de Segurança Municipal. O secretário de Gabinete, José Valentim Seraphim, presenteou a candidatura de Volpi com R$ 15 mil. Esta é a mesma quantia ofertada pelo responsável pela Pasta de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Marcelo Menato.

No total, Volpi contou com R$ 234,2 mil entre doações de pessoas físicas e jurídicas (mesmo valor declarado como despesa) para a divulgação da candidatura pela reeleição. Outros R$ 50 mil vieram do bolso do próprio prefeito.

Volpi classifica como "natural" o montante recebido dos aliados. "Grande parte das pessoas que trabalham comigo contribuiu, inclusive eu. A campanha foi baseada no critério de doações", justificou. Ele afirma que as doações refletem a confiança na candidatura e na continuidade do trabalho iniciado em 2005, quando venceu, pela primeira vez, a eleição municipal. "Não foi em troca do cargo, mesmo porque a maioria das pessoas que compõe o primeiro escalão nesta gestão já ocupava estas funções na administração anterior."

A secretária de Comunicação, Vera Guazzelli, e o irmão do prefeito, Antônio Volpi, que responde pela pasta de Finanças, são dois exemplos de pessoas que acompanham Volpi desde o início do primeiro mandato. "São pessoas de extrema confiança que tinham disponibilidade de recursos para doar à campanha. Mas é lógico que houve aquela expectativa de que poucas mudanças ocorressem nas secretarias."



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Prefeito de Ribeirão Pires lidera ranking

Cristiane Bomfim
Do Diário do Grande ABC

19/01/2009 | 07:03


Dos sete prefeitos do Grande ABC, Clóvis Volpi (PV-Ribeirão Pires) foi o que mais recebeu doações para a campanha eleitoral de pessoas que compõem o primeiro escalão da administração. Nove dos 16 atuais secretários municipais contribuíram financeiramente para a disputa e depositaram R$ 84.253 nas contas da candidatura.

Os valores das doações variaram de R$ 1.050 aos R$ 18 mil, cedidos por José Adão Alves, que comanda a Secretaria de Segurança Municipal. O secretário de Gabinete, José Valentim Seraphim, presenteou a candidatura de Volpi com R$ 15 mil. Esta é a mesma quantia ofertada pelo responsável pela Pasta de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Marcelo Menato.

No total, Volpi contou com R$ 234,2 mil entre doações de pessoas físicas e jurídicas (mesmo valor declarado como despesa) para a divulgação da candidatura pela reeleição. Outros R$ 50 mil vieram do bolso do próprio prefeito.

Volpi classifica como "natural" o montante recebido dos aliados. "Grande parte das pessoas que trabalham comigo contribuiu, inclusive eu. A campanha foi baseada no critério de doações", justificou. Ele afirma que as doações refletem a confiança na candidatura e na continuidade do trabalho iniciado em 2005, quando venceu, pela primeira vez, a eleição municipal. "Não foi em troca do cargo, mesmo porque a maioria das pessoas que compõe o primeiro escalão nesta gestão já ocupava estas funções na administração anterior."

A secretária de Comunicação, Vera Guazzelli, e o irmão do prefeito, Antônio Volpi, que responde pela pasta de Finanças, são dois exemplos de pessoas que acompanham Volpi desde o início do primeiro mandato. "São pessoas de extrema confiança que tinham disponibilidade de recursos para doar à campanha. Mas é lógico que houve aquela expectativa de que poucas mudanças ocorressem nas secretarias."

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;