Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Série de shows para homenagear Adoniran


Sara Saar
Do Diário do Grande ABC

19/01/2010 | 07:00


Versátil, Adoniran Barbosa (1910-1982) trabalhou como humorista, escritor, radialista e ator em rádio, cinema e televisão. Mas se tornou imortal como compositor.

No ano em que se completa o centenário de seu nascimento, suas canções serão interpretadas a partir de quinta-feira, na Casa de Francisca (Rua José Maria Lisboa, 190, São Paulo. Tel.: 3052-0547), que dedica uma semana ao projeto "Ô Seu Barbosa! 100 Anos de Adoniran". O couver artístico varia entre R$ 19 e R$ 53.

O primeiro a se apresentar é Maurício Pereira. Acompanhado por Daniel Szafran no piano, ele canta Adoniran e outras sonoridades típicas de São Paulo, como Ira!, Mamonas Assassinas e Kid Vinil. É uma versão paulistana do show Mergulhar na Surpresa.

No sábado, será a vez de Passoca (voz e tamborim) exibir algumas inéditas do compositor homenageado ao lado de Thomas Howard (violão de 7 cordas) e Alê Ribeiro (clarinete). Clássicos também estão garantidos, casos de "Saudosa Maloca" e "Bom Dia Tristeza".

Um dos grandes nomes da música brasileira, o compositor Paulo Vanzolini prepara duas apresentações, para domingo e na segunda-feira. Ele conversa com a plateia, revela história curiosas e canta sambas como Seu Barbosa, que escreveu em homenagem ao amigo.

Toda a programação pode ser conferida no site do espaço (www.casadefrancisca.art.br).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Série de shows para homenagear Adoniran

Sara Saar
Do Diário do Grande ABC

19/01/2010 | 07:00


Versátil, Adoniran Barbosa (1910-1982) trabalhou como humorista, escritor, radialista e ator em rádio, cinema e televisão. Mas se tornou imortal como compositor.

No ano em que se completa o centenário de seu nascimento, suas canções serão interpretadas a partir de quinta-feira, na Casa de Francisca (Rua José Maria Lisboa, 190, São Paulo. Tel.: 3052-0547), que dedica uma semana ao projeto "Ô Seu Barbosa! 100 Anos de Adoniran". O couver artístico varia entre R$ 19 e R$ 53.

O primeiro a se apresentar é Maurício Pereira. Acompanhado por Daniel Szafran no piano, ele canta Adoniran e outras sonoridades típicas de São Paulo, como Ira!, Mamonas Assassinas e Kid Vinil. É uma versão paulistana do show Mergulhar na Surpresa.

No sábado, será a vez de Passoca (voz e tamborim) exibir algumas inéditas do compositor homenageado ao lado de Thomas Howard (violão de 7 cordas) e Alê Ribeiro (clarinete). Clássicos também estão garantidos, casos de "Saudosa Maloca" e "Bom Dia Tristeza".

Um dos grandes nomes da música brasileira, o compositor Paulo Vanzolini prepara duas apresentações, para domingo e na segunda-feira. Ele conversa com a plateia, revela história curiosas e canta sambas como Seu Barbosa, que escreveu em homenagem ao amigo.

Toda a programação pode ser conferida no site do espaço (www.casadefrancisca.art.br).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;