Fechar
Publicidade

Domingo, 17 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Grana compara Aidan à Olimpíada: só é visto a cada 4 anos


Cadu Proieti
do Diário do Grande ABC

05/09/2012 | 07:00


Durante discurso realizado em atividade no Jardim Utinga, na tarde de ontem, o candidato do PT à Prefeitura de Santo André, Carlos Grana, afirmou que o prefeito Aidan Ravin (PTB), que concorre à reeleição, "é como a Olimpíada: só é visto a cada quatro anos."

O petista foi ainda mais enfático quando falou sobre a presença do petebista no bairro visitado. "Acho que aqui ele nunca veio. Nem para pedir votos, muito menos para dar atenção à comunidade. É só perguntar para todos daqui. Vão testemunhar que ele nunca apareceu para dar ouvidos às reivindicações da população", disparou.

Grana caminhou pelas ruas do núcleo habitacional denominado Gleba Camilópolis, área particular localizada às margens do Córrego Oratório, na divisa com o Jardim Elba, em São Paulo, que foi loteado e apresenta problemas de saneamento e pavimentação de ruas. O local recebeu investimentos durante a administração de Celso Daniel (PT), que ocorreu de 1997 a 2002, quando o chefe do Executivo foi assassinado.

"O PT fez trabalho gigantesco aqui de urbanização, que começou na gestão do Celso, passando também pelo João Avamileno (de 2002 a 2008). Foi algo maravilhoso através do Orçamento Participativo. Nosso compromisso com a comunidade é de dar continuidade às melhorias da região", disse Grana.

O postulante ao Paço prometeu asfaltar os aproximadamente 130 metros da avenida marginal do Oratório que ainda não possuem pavimentação. No entanto, para isso ocorrer, é necessária conclusão da canalização do córrego, que é de responsabilidade do governo estadual. "Temos que trabalhar com o Estado, mas a prioridade é fazer o que compete ao município. Isso vamos realizar", sustentou.

Em julho, o Daee (Departamento de Águas e Energia Elétrica) iniciou a canalização de 7,5 quilômetros do córrego, mas as obras ainda não chegaram ao ponto citado por Grana.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;