Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 23 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Justiça proíbe greve de aeroviários até 10 de janeiro


Da Agência Brasil

24/12/2010 | 07:23


A Justiça Federal no Distrito Federal proibiu a greve dos aeronautas (pilotos e comissários) e aeroviários (funcionários que trabalham em terra) até o dia 10 de janeiro. Se as categorias descumprirem a decisão, serão multadas em R$ 3 milhões.

O juiz Itagiba Catta Preta Neto, da 4ª Vara Federal, acatou na noite de anteontem pedido do Ministério Público Federal no Distrito Federal. Para o magistrado, uma greve do setor aéreo às vésperas das festas de fim de ano e da posse da presidente eleita, Dilma Rousseff, seria "oportunista e abusiva".

"Não só a população brasileira como um todo que corre o risco de sofrer prejuízos irreparáveis. É o bom nome do próprio País, no cenário internacional, que está em jogo, ainda mais quando nos preparamos para a realização de Copa do Mundo e Jogos Olímpicos", disse o juiz na decisão.

O Tribunal Superior do Trabalho determinou anteontem que 80% dos funcionários trabalhem até o dia 2 de janeiro de 2011. O descumprimento da ordem judicial pode gerar multa diária de R$ 100 mil. Com a decisão, os aeronautas e os aeroviários adiaram a greve prevista para começar ontem.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;