Fechar
Publicidade

Domingo, 26 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Mano prevê só grandes na luta pelo título


Nelson Cilo
Com Agências

13/01/2010 | 07:00


Mano Menezes inclui o Corinthians e os demais clubes grandes como candidatos diretos ao título estadual. Assim como foi no ano passado, O técnico não prevê nenhuma surpresa dos pequenos. Segundo ele, os principais adversários estarão no blocos das equipes mais tradicionais. "Os que mais investem são aqueles que têm as melhores condições de brigar pelo título. Não sabemos o potencial de cada equipe do Interior", disse o treinador.

O Corinthians assegurou sete contratações para o ano do centenário. A mais badalada é a do lateral Roberto Carlos. Ainda vieram Tcheco, Danilo, Ralf, Iarley, Moacir e Leandro Castán. Até agora, os dois últimos não foram oficialmente apresentados mas treinam com o grupo em Itu, local da pré-temporada alvinegra.

O caso de Moacir permanece complicado. O ala-direito defendeu o Sport no Campeonato Brasileiro, mas que também estaria vinculado ao Central de Caruaru. Assim, a FPF (Federação Pernambucana de Futebol) decidiu não liberar a transferência para o futebol paulista.

A entidade lembra que o Central cobra R$ 375 mil - e não aceita os R$ 101 mil oferecidos, como supõem Corinthians e Sport. No contrato da empresa BWA, consta que o União São João teria 45% dos direitos econômicos do atleta. O time de Araras é uma espécie de laranja no meio das negociações.

MORAIS FICA - O diretor de futebol do Corinthians, Mário Gobbi, frustrou ontem o sonho do Botafogo-RJ em tirar Morais do Parque São Jorge. "Olha bem aqui no meu olho. Veja se um besouro fuma maconha nele. Se tiver, o Morais vai. É impossível isso acontecer. Ele é craque e continua no Corinthians", afirmou.

Segundo Gobbi, ninguém do Botafogo-RJ procurou-o para discutir o assunto. O meia cumprirá mais dois anos e meio de contrato. A prioridade ainda será do Timão. Grande parte dos direitos econômicos é do empresário Carlos Leite, que adquiriu maiores parcelas em junho de 2009.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mano prevê só grandes na luta pelo título

Nelson Cilo
Com Agências

13/01/2010 | 07:00


Mano Menezes inclui o Corinthians e os demais clubes grandes como candidatos diretos ao título estadual. Assim como foi no ano passado, O técnico não prevê nenhuma surpresa dos pequenos. Segundo ele, os principais adversários estarão no blocos das equipes mais tradicionais. "Os que mais investem são aqueles que têm as melhores condições de brigar pelo título. Não sabemos o potencial de cada equipe do Interior", disse o treinador.

O Corinthians assegurou sete contratações para o ano do centenário. A mais badalada é a do lateral Roberto Carlos. Ainda vieram Tcheco, Danilo, Ralf, Iarley, Moacir e Leandro Castán. Até agora, os dois últimos não foram oficialmente apresentados mas treinam com o grupo em Itu, local da pré-temporada alvinegra.

O caso de Moacir permanece complicado. O ala-direito defendeu o Sport no Campeonato Brasileiro, mas que também estaria vinculado ao Central de Caruaru. Assim, a FPF (Federação Pernambucana de Futebol) decidiu não liberar a transferência para o futebol paulista.

A entidade lembra que o Central cobra R$ 375 mil - e não aceita os R$ 101 mil oferecidos, como supõem Corinthians e Sport. No contrato da empresa BWA, consta que o União São João teria 45% dos direitos econômicos do atleta. O time de Araras é uma espécie de laranja no meio das negociações.

MORAIS FICA - O diretor de futebol do Corinthians, Mário Gobbi, frustrou ontem o sonho do Botafogo-RJ em tirar Morais do Parque São Jorge. "Olha bem aqui no meu olho. Veja se um besouro fuma maconha nele. Se tiver, o Morais vai. É impossível isso acontecer. Ele é craque e continua no Corinthians", afirmou.

Segundo Gobbi, ninguém do Botafogo-RJ procurou-o para discutir o assunto. O meia cumprirá mais dois anos e meio de contrato. A prioridade ainda será do Timão. Grande parte dos direitos econômicos é do empresário Carlos Leite, que adquiriu maiores parcelas em junho de 2009.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;