Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 27 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Morre a atriz Lupe Gigliotti



21/12/2010 | 07:08


A atriz Lupe Gigliotti morreu anteontem à noite, aos 84 anos, em decorrência de um câncer pulmonar.

Irmã do humorista Chico Anysio e do cineasta Zelito Viana, e mãe da diretora Cininha de Paula, a atriz vivia com a doença havia dois anos. Ela estava em seu apartamento, em Copacabana (RJ), e, segundo parentes, a saúde parecia estável. Tinha passado o dia bem, e à noite se sentiu mal.

Como os irmãos, Maria Lupicínia Viana de Paula nasceu na cidade de Maranguape, no Ceará, e mudou-se para o Rio criança (com 12 anos). Seu rosto ficou mais conhecido pelos trabalhos com humor - era a Dona Escolástica da 'Escolinha do Professor Raimundo' e foi do elenco de 'Zorra Total'.

Teve papéis secundários em novelas como 'Hipertensão', 'Cama de Gato' e 'Sete Pecados'. Além disso, Lupe participou das séries 'Sítio do Picapau Amarelo', 'A Diarista' e nos filmes 'O Cangaceiro Trapalhão' e 'Os Normais'.

Lupe nasceu e viveu numa família de artistas. Desde jovem, conviveu com música e literatura. Aos 20 anos, fez o primeiro teste, com Chico, para rádio-atriz. Ele foi aprovado e deu início à carreira; ela também passou, mas preferiu se casar e concluir a faculdade de Direito.

Curiosamente, tornou-se atriz bem mais tarde, por conta do desejo da filha de atuar - ao levá-la para um curso no Tablado, foi convidada pela diretora, Maria Clara Machado.

"Subi e, naquele momento, minha vida mudou. Eu sempre digo que quem é de teatro tem um germe dentro de si, pode muitas vezes permanecer um longo tempo adormecido, mas de repente ele acorda e transforma sua vida num turbilhão", disse, certa vez, numa entrevista, referindo-se ao ano-chave: 1966, sua primeira estreia.

Mais tarde, iria se tornar produtora e diretora, e escrever para teatro infantil, uma paixão. A mulher de Chico, Malga Di Paula, escreveu no Twitter: "Impossível reproduzir palavras do Chico nesta hora de dor, mas certamente seriam as palavras mais lindas do mundo".

INTERNADO
Chico, que tem 79 anos, também passa por problemas de saúde. Ele está internado desde o dia 2 no Hospital Samaritano, no Rio. Evolui bem, mas não há previsão de alta.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Morre a atriz Lupe Gigliotti


21/12/2010 | 07:08


A atriz Lupe Gigliotti morreu anteontem à noite, aos 84 anos, em decorrência de um câncer pulmonar.

Irmã do humorista Chico Anysio e do cineasta Zelito Viana, e mãe da diretora Cininha de Paula, a atriz vivia com a doença havia dois anos. Ela estava em seu apartamento, em Copacabana (RJ), e, segundo parentes, a saúde parecia estável. Tinha passado o dia bem, e à noite se sentiu mal.

Como os irmãos, Maria Lupicínia Viana de Paula nasceu na cidade de Maranguape, no Ceará, e mudou-se para o Rio criança (com 12 anos). Seu rosto ficou mais conhecido pelos trabalhos com humor - era a Dona Escolástica da 'Escolinha do Professor Raimundo' e foi do elenco de 'Zorra Total'.

Teve papéis secundários em novelas como 'Hipertensão', 'Cama de Gato' e 'Sete Pecados'. Além disso, Lupe participou das séries 'Sítio do Picapau Amarelo', 'A Diarista' e nos filmes 'O Cangaceiro Trapalhão' e 'Os Normais'.

Lupe nasceu e viveu numa família de artistas. Desde jovem, conviveu com música e literatura. Aos 20 anos, fez o primeiro teste, com Chico, para rádio-atriz. Ele foi aprovado e deu início à carreira; ela também passou, mas preferiu se casar e concluir a faculdade de Direito.

Curiosamente, tornou-se atriz bem mais tarde, por conta do desejo da filha de atuar - ao levá-la para um curso no Tablado, foi convidada pela diretora, Maria Clara Machado.

"Subi e, naquele momento, minha vida mudou. Eu sempre digo que quem é de teatro tem um germe dentro de si, pode muitas vezes permanecer um longo tempo adormecido, mas de repente ele acorda e transforma sua vida num turbilhão", disse, certa vez, numa entrevista, referindo-se ao ano-chave: 1966, sua primeira estreia.

Mais tarde, iria se tornar produtora e diretora, e escrever para teatro infantil, uma paixão. A mulher de Chico, Malga Di Paula, escreveu no Twitter: "Impossível reproduzir palavras do Chico nesta hora de dor, mas certamente seriam as palavras mais lindas do mundo".

INTERNADO
Chico, que tem 79 anos, também passa por problemas de saúde. Ele está internado desde o dia 2 no Hospital Samaritano, no Rio. Evolui bem, mas não há previsão de alta.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;