Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 18 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Protesto reúne apenas 300 em Brasília


Do Diário do Grande ABC

07/09/1999 | 17:56


A marcha do Grito dos Excluídos, em Brasília, aconteceu a cerca de dois quilômetros do Setor Militar Urbano, onde o presidente Fernando Henrique Cardoso acompanhou o desfile em comemoraçao ao Sete de Setembro. A participaçao ficou abaixo do esperado pelos organizadores. Cerca de 300 pessoas protestaram contra a política econômica do governo e pediram soluçoes para problemas, como o desemprego.

Organizaram a marcha, em Brasília, a Central Unica dos Trabalhadores, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST). "Nao tínhamos mesmo a expectativa de trazer muita gente porque em Brasília a marcha ainda nao é tradiçao", disse o presidente da CUT no Distrito Federal, José Zunga, que nao conseguiu reforçar o protesto como pretendia. Zunga contratou a participaçao de um cavalo de um catador de papel, por R$ 30,00, mas o animal acabou nao sendo levado. "E olha que pagamos R$ 15 00 adiantados", lamentou.

A manifestaçao começou pouco depois das 9 horas. Os manifestantes caminharam do Centro de Convençoes Ulysses Guimaraes rumo ao local onde foi rezada a primeira missa em Brasília, próximo ao memorial JK. Acompanhando o carro de som, eles se dividiram em alas de desempregados, famintos, sem-terra, dos falidos, dos servidores públicos e da impunidade. Carregavam bandeiras do MST e faixas de protesto pedindo a saída do presidente Fernando Henrique Cardoso.

A caminhada transcorreu de forma pacífica. O presidente do Conselho Nacional das Igrejas Cristas, pastor Eruínio Schmidt leu o manifesto "Mudanças já. Conclamaçao ao Povo Brasileiro" no qual os manifestantes faziam críticas ao governo e pediam emprego, reforma agrária e a revisao do acordo assinadocom o Fundo Monetário Internacional (FMI).



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;