Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 23 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Dupla é indiciada sob suspeita de clonar cartões em Sto.André


Luciano Cavenagui
Do Diário do Grande ABC

31/03/2006 | 08:22


Dois homens foram indiciados quinta-feira pela polícia acusados de integrar uma quadrilha especializada em clonagem de cartões bancários, que agiria em Santo André e em São Paulo.

A dupla foi detida pela polícia quando estava dentro de uma agência do banco Itaú, localizada no Parque das Nações, em Santo André. A Polícia Militar apreendeu na agência um chupa-cabra, aparelho eletrônico utilizado por quadrilhas para clonar cartões com números e senhas de diversas contas.

Foram indiciados Rogério Robles Gonçalves Machado, 24 anos, e Rodrigo Torres de Almeida, 22. Às 7h30 de quinta-feira, policiais militares do 10º Batalhão os encontraram dentro da agência bancária, localizada na rua Oratório.

O que chamou a atenção para a localização da dupla foi uma Saveiro prata estacionada em frente à agência. De acordo com a PM, o automóvel já era suspeito na região, pois havia denúncias que informavam que o carro era usado por criminosos durante a clonagem de cartões.

Guardas municipais que passavam pela rua Oratório viram a Saveiro e acionaram a PM. Segundo a polícia, Machado, ao perceber a chegada dos policiais, saiu da agência e tentou entrar na Saveiro.

Almeida, por sua vez, de acordo com a PM, rasgou um cartão que carregava, o qual seria clonado, e o jogou no lixo. Durante revista aos caixas eletrônicos localizados dentro da agência, os policiais encontraram o chupa-cabra instalado somente em um caixa.

A dupla foi encaminhada ao 2º DP de Santo André e indiciada por furto pela delegada Adriana Meyer. "Os dois não poderão ficar presos porque não foi caracterizado o flagrante. Para isso, seria preciso que eles fizessem alguma vítima que teria o cartão clonado pelo aparelho que foi apreendido", afirmou a delegada.

Além do chupa-cabra, foram apreendidos R$ 133 em dinheiro que teriam sido sacados por Machado e Almeida por meio de cartões clonados. De acordo com investigações da Polícia Militar, a dupla faria parte de um bando que não agiria apenas no Parque das Nações, mas também em Utinga, na região central de Santo André e no Centro de São Paulo. A base do grupo estaria localizada no Jardim Elba, na zona Leste da capital, divisa com Santo André.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;