Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 1 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Senado dos EUA aprova nomeação de Antony Blinken para secretário de Estado



26/01/2021 | 16:22


O Senado dos Estados Unidos aprovou nesta terça-feira, 26, a nomeação de Antony Blinken, 58 anos, para o cargo de secretário de Estado. Foram 78 votos favoráveis à indicação e 22 contrários. O democrata, que será o 71º a ocupar a posição de principal diplomata americano, é amigo de longa data do presidente Joe Biden.

Durante uma sabatina no Comitê de Relações Exteriores do Senado, realizada na semana passada, Blinken disse que concordava com a posição do ex-presidente Donald Trump em relação à China. "Temos obrigação de mostrar que nosso modelo é mais efetivo que o da China", afirmou na ocasião.

Ele também declarou que buscará retomar o Acordo Nuclear com o Irã, mas ponderou que há "um longo caminho" para que esse objetivo seja alcançado.

Blinken atuou como secretário adjunto de Estado, de 2015 a 2017, e foi assessor adjunto de Segurança Nacional dos EUA, entre 2013 e 2015, durante o governo Barack Obama.

Além do secretário de Estado, também já foram confirmados pelo Senado a secretária do Tesouro, Janet Yellen, o secretário de Defesa, Lloyd Austin, e a diretora de Inteligência Nacional, Avril Haines.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Senado dos EUA aprova nomeação de Antony Blinken para secretário de Estado


26/01/2021 | 16:22


O Senado dos Estados Unidos aprovou nesta terça-feira, 26, a nomeação de Antony Blinken, 58 anos, para o cargo de secretário de Estado. Foram 78 votos favoráveis à indicação e 22 contrários. O democrata, que será o 71º a ocupar a posição de principal diplomata americano, é amigo de longa data do presidente Joe Biden.

Durante uma sabatina no Comitê de Relações Exteriores do Senado, realizada na semana passada, Blinken disse que concordava com a posição do ex-presidente Donald Trump em relação à China. "Temos obrigação de mostrar que nosso modelo é mais efetivo que o da China", afirmou na ocasião.

Ele também declarou que buscará retomar o Acordo Nuclear com o Irã, mas ponderou que há "um longo caminho" para que esse objetivo seja alcançado.

Blinken atuou como secretário adjunto de Estado, de 2015 a 2017, e foi assessor adjunto de Segurança Nacional dos EUA, entre 2013 e 2015, durante o governo Barack Obama.

Além do secretário de Estado, também já foram confirmados pelo Senado a secretária do Tesouro, Janet Yellen, o secretário de Defesa, Lloyd Austin, e a diretora de Inteligência Nacional, Avril Haines.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;