Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 19 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

São Caetano reinaugura pista de skate no Centro

Celso Luiz/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Da redação

24/07/2021 | 05:19


A Prefeitura de São Caetano reinaugura hoje, às 10h, a pista de skate Mário Manoel Davi, na Rua Serafim Constantino, localizada no Centro. A área, criada em 2008, passou por obras de revitalização para atender reivindicações dos usuários e estará à disposição da população a partir de hoje

O equipamento, que conta com banks/snake, uma pista padrão, minirramp e área para crianças, ganhou nova iluminação com lâmpadas de LED, banheiros, pintura e modernização do piso, que agora tem novos obstáculos. As intervenções foram acompanhadas por skatistas e artistas do grafite.
São 65 representantes da arte urbana com o uso do spray participando por meio de criações livres: dos precursores às novas gerações, sob o mesmo propósito, de tornar o espaço mais colorido, mais atraente.

“Nossa ideia foi dar voz e vez aos artistas. Em vez de apresentar um plano de trabalho pronto, previamente elaborado, perguntamos a eles o que pensavam que poderíamos fazer. Juntos: artistas e poder público”, explica Rubens Foina Neto, à frente da Comjuv (Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas de Juventude ), vinculada à Selj (Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude).

Rogério Padial trabalha com grafite e fotografia. Ficou responsável pela medição e distribuição da área para grafitagem entre os participantes. “Entreguei o mesmo espaço para o artista mais experiente e para o novato, independentemente do resultado do trabalho. A rua tem esse caráter: a democratização do espaço. A experiência foi maravilhosa, de conhecer pessoalmente – e trabalhar junto – com quem tanto admiro. É aprendizado muito valioso. Vi pais e filhos pintando, casais. Grafiteiro amador e profissional, artista plástico, tatuador, gente que nunca tinha desenhado no muro”, comenta Padial.

Eliaser Castro, um dos responsáveis pela organização dos trabalhos, destacou o diálogo entre a população e o poder público. “Fiquei muito feliz em contribuir com o projeto por meio do grafite. O esporte anda lado a lado com esse estilo de expressão artística e também com o hip hop. O diálogo entre a Secretaria de Cultura e esse movimento é muito importante para o crescimento cultural do município.”

Nos anos 1980, São Caetano chegou a ser conhecida como a cidade dos grafites, graças às ações de vanguarda de um grupo de amigos. Entre os quais, Numa Júnior, Job Leocadio, Eddie e Jorge Tavares, que redimensionaram o cenário urbano.

“Fizemos o primeiro projeto de grafite na cidade, chamado de São Caetano Conta sua História em Grafite, em 1989. Hoje, por intermédio das ações de revitalização da pista, percebi que o espírito marginal ainda impera, pois a organização dos artistas e a disposição dos espaços foram feitas por eles próprios. Pelo boca a boca, reuniu-se uma legião de grandes talentos, da cidade e região”, relata Job Leocádio. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;