Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 30 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Edinho volta a mudar na política


Raphael Rocha
do Diário do Grande ABC

28/04/2020 | 00:17


Ex-deputado federal, Edinho Montemor esteve literalmente em todos os lados da política em São Bernardo. Já apoiou grupo ligado ao ex-prefeito William Dib, foi candidato a vice em chapa liderada pelo hoje prefeito Orlando Morando (PSDB), em 2008, acompanhou, entusiasta, o governo do ex-prefeito Luiz Marinho (PT), depois voltou ao campo de Morando. A mais nova reviravolta política de Edinho está no campo federal. Ele virou ferrenho defensor do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Está ao lado do capitão até mesmo no episódio em que o ex-ministro Sergio Moro, da Justiça e Segurança Pública, acusou Bolsonaro de interferência na PF (Polícia Federal).

Bastidores
Confirmação
O prefeito de Ribeirão Pires, Adler Kiko Teixeira (PSDB), confirmou ontem a contratação de Ricardo Orsini para ser secretário de Serviços Urbanos de seu governo – ele era adjunto da pasta e herdou o cargo porque Diogo Manera se desincompatibilizou da função para concorrer na eleição deste ano. A nomeação causou mal-estar na classe política da cidade, até porque, Orsini foi protagonista de atropelamento fatal de funcionário da administração no início do ano. A nomeação foi com data retroativa – 6 de abril. Curiosamente, Orsini ingressou na Justiça contra alguns órgãos de imprensa, com acusação de que matérias jornalísticas citando o caso do atropelamento causaram danos irreparáveis à imagem e também haviam atrapalhado sua nomeação como secretário.

Exoneração
Por falar no ex-deputado federal Edinho Montemor, ele viu sua filha, Elaine Montemor Fernandes, ser exonerada do cargo de diretora de seção da Secretaria da Cidadania e da Pessoa com Deficiência. A portaria é datada de 17 de abril. Em 2016, Edinho foi candidato a vereador pelo PSDB. Recebeu 1.433 votos, mas teve sua candidatura impugnada pela Justiça Eleitoral.

Suporte
Outro político da região que publicamente manifestou apoio ao presidente Jair Bolsonaro na briga com o ex-ministro Sergio Moro, da Justiça e Segurança Pública, foi o deputado estadual Coronel Nishikawa (PSL). Nas redes sociais, o parlamentar com base eleitoral em São Bernardo postou foto com Bolsonaro e disse ser aliado “sempre” do presidente.

Juntos?
Começa a ganhar corpo especulação sobre apoio do ex-prefeito Saulo Benevides (Avante) à futura candidatura à reeleição do prefeito de Ribeirão Pires, Adler Kiko Teixeira (PSDB). A discussão aumentou no fim de semana, quando Lair Moura, que tem proximidade com Saulo, disparou em grupos de WhatsApp mensagem elogiando Kiko e criticando o ex-prefeito Clóvis Volpi (PL), pré-prefeiturável neste ano. Lair também tem se colocado como pré-candidata ao Paço.

Liderança
No fim de semana, o governo do prefeito de Diadema, Lauro Michels (PV), colocou nas ruas equipes para fiscalização de lojas abertas sobre os procedimentos adotados para evitar a proliferação da Covid-19. Chamou atenção o fato de uma das equipes ser liderada pela secretária de Habitação da cidade, a ex-deputada estadual Regina Gonçalves (PV). A aparição da verde foi classificada junto aos políticos do município como sinal de Lauro sobre quem ele vai apoiar para tentar sucedê-lo na eleição deste ano. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Edinho volta a mudar na política

Raphael Rocha
do Diário do Grande ABC

28/04/2020 | 00:17


Ex-deputado federal, Edinho Montemor esteve literalmente em todos os lados da política em São Bernardo. Já apoiou grupo ligado ao ex-prefeito William Dib, foi candidato a vice em chapa liderada pelo hoje prefeito Orlando Morando (PSDB), em 2008, acompanhou, entusiasta, o governo do ex-prefeito Luiz Marinho (PT), depois voltou ao campo de Morando. A mais nova reviravolta política de Edinho está no campo federal. Ele virou ferrenho defensor do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Está ao lado do capitão até mesmo no episódio em que o ex-ministro Sergio Moro, da Justiça e Segurança Pública, acusou Bolsonaro de interferência na PF (Polícia Federal).

Bastidores
Confirmação
O prefeito de Ribeirão Pires, Adler Kiko Teixeira (PSDB), confirmou ontem a contratação de Ricardo Orsini para ser secretário de Serviços Urbanos de seu governo – ele era adjunto da pasta e herdou o cargo porque Diogo Manera se desincompatibilizou da função para concorrer na eleição deste ano. A nomeação causou mal-estar na classe política da cidade, até porque, Orsini foi protagonista de atropelamento fatal de funcionário da administração no início do ano. A nomeação foi com data retroativa – 6 de abril. Curiosamente, Orsini ingressou na Justiça contra alguns órgãos de imprensa, com acusação de que matérias jornalísticas citando o caso do atropelamento causaram danos irreparáveis à imagem e também haviam atrapalhado sua nomeação como secretário.

Exoneração
Por falar no ex-deputado federal Edinho Montemor, ele viu sua filha, Elaine Montemor Fernandes, ser exonerada do cargo de diretora de seção da Secretaria da Cidadania e da Pessoa com Deficiência. A portaria é datada de 17 de abril. Em 2016, Edinho foi candidato a vereador pelo PSDB. Recebeu 1.433 votos, mas teve sua candidatura impugnada pela Justiça Eleitoral.

Suporte
Outro político da região que publicamente manifestou apoio ao presidente Jair Bolsonaro na briga com o ex-ministro Sergio Moro, da Justiça e Segurança Pública, foi o deputado estadual Coronel Nishikawa (PSL). Nas redes sociais, o parlamentar com base eleitoral em São Bernardo postou foto com Bolsonaro e disse ser aliado “sempre” do presidente.

Juntos?
Começa a ganhar corpo especulação sobre apoio do ex-prefeito Saulo Benevides (Avante) à futura candidatura à reeleição do prefeito de Ribeirão Pires, Adler Kiko Teixeira (PSDB). A discussão aumentou no fim de semana, quando Lair Moura, que tem proximidade com Saulo, disparou em grupos de WhatsApp mensagem elogiando Kiko e criticando o ex-prefeito Clóvis Volpi (PL), pré-prefeiturável neste ano. Lair também tem se colocado como pré-candidata ao Paço.

Liderança
No fim de semana, o governo do prefeito de Diadema, Lauro Michels (PV), colocou nas ruas equipes para fiscalização de lojas abertas sobre os procedimentos adotados para evitar a proliferação da Covid-19. Chamou atenção o fato de uma das equipes ser liderada pela secretária de Habitação da cidade, a ex-deputada estadual Regina Gonçalves (PV). A aparição da verde foi classificada junto aos políticos do município como sinal de Lauro sobre quem ele vai apoiar para tentar sucedê-lo na eleição deste ano. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;