Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 29 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Pesquisando o futuro

Uma das maiores aspirações da humanidade é, sem sombra de...


Dgabc

04/01/2012 | 00:00


Artigo

Uma das maiores aspirações da humanidade é, sem sombra de dúvida, saber como será o futuro. Avaliações de tendências, planejamento e pesquisas são as armas utilizadas por profissionais, que preferem a ótica científica como forma de tentar antever o que vai acontecer. De posse de avaliação embasada cientificamente, por meio de pesquisas é possível saber as possibilidades de um produto ou serviço dar certo no mercado. Ainda mais se levarmos em consideração cenário financeiro internacional turbulento como o que se configura em vários países ricos, fruto da crise econômica, temos que pensar muitas vezes mais antes de colocar um produto ou serviço na prateleira, seja ele qual for.

Você já se pegou pensando em onde quer estar em 2014? Alguns dirão que pretendem comemorar o hexacampeonato da Seleção Brasileira de futebol. Mas você já planejou onde gostaria de estar daqui a dois ou três anos. Difícil? Impensável? Não. O mundo muda muito rápido, mas nada que não possa ser previsto agora, embora com alguma margem de erro. Muito do que conhecemos hoje pode deixar de existir, dando espaço a novas técnicas e formas de se comunicar. A maioria das pessoas não imaginaria, dois anos atrás, que o Facebook seria essa potência que é hoje e que seria mais fácil encontrar uma pessoa disponível no Twitter do que por telefone. Mas aqueles que estavam acompanhando as tendências e ao que se delineava são os pioneiros em usar o potencial das redes sociais para reforçar seu negócio.

E como as marcas, seus produtos e serviços chegarão em 2014? Um sabão em pó líder em vendas, provavelmente, continuará nessa posição e terá, supõe-se, novos aromas ou novos benefícios funcionais. Uma indústria de veículos continuará realizando o lançamento de seus carros todo ano, com novas versões, duas, quatro ou até com três portas. Mas certamente já teremos mais e mais aplicativos nos automóveis, para atender às novas necessidades dos consumidores conectados 24h. Para colocar na sua casa cada um desses produtos amanhã, as empresas precisaram pensar neles há bastante tempo. Elas utilizam de todas as ferramentas possíveis para tornar realidade o sonho de trazer o futuro para o agora.

Isso é planejar. É antecipar. É pesquisar. É saber o que realmente importa para o seu público-alvo e mostrar seus diferenciais aqui e agora.

Zilda Knoploch é mestre em Antropologia Social, pós-graduada em Marketing, fundadora e sócia da Enfoque Pesquisa.

PALAVRA DO LEITOR

Boas Festas

O Diário recebe e retribui votos de Boas-Festas a Grupo Guararapes; Garmanun Brasil; Cielo; Azulzinha Internet; Edvaldo Canus.

Entulho

Desde o dia 26 foi desocupada uma casa na Rua dos Coqueiros, bairro Jardim, em Santo André, que foi ocupada por cerca de seis meses por uma empreiteira que fazia serviços de instalação de gás na cidade. Estranhei, na ocasião de sua instalação ali, a presença de um caminhão com funcionários da Secretaria de Obras do município realizando serviços nessa casa, executando calçada dentro do terreno. Pensei que essa casa pertencia à Prefeitura de Santo André. Mas é mais desanimador ainda ver, após a saída dessa empresa, que ela depositou na calçada móveis e restos de material. Acredito que a Prefeitura deveria dar uma passada para autuar o proprietário (caso não seja ela mesma) e procurar evitar esse absurdo.

Joel Pereira Felipe, Santo André

Pavimentação

Sobre a reportagem que este Diário publicou sobre a pavimentação de ruas de Mauá (Setecidades, dia 31), é correto afirmar que a empresa Dersa se prontificou, perante inúmeros moradores e associações de bairros, a asfaltar todas as ruas que ficam próximas ao Trecho Sul do Rodoanel e dos acessos da Jacu-Pêssego. Porém todos (da Dersa) sumiram dos bairros e abandonaram ruas esburacadas, casas rachadas, calçadas em ruínas, telhados quebrados e não assumiram o compromisso que fizeram nem cumpriram sua palavra perante a comunidade local.

Maria da Conceição da Silva, Mauá

Faixas

Apesar de estar sempre tentando atualizar-me sobre política, eu não sabia que a Câmara de São Bernardo era composta de 22 vereadores. Só descobri depois que me deparei com diversas faixas, aliás, colocadas irregularmente na cidade, com a seguinte mensagem: ‘O vereador Wagner Lino e o prefeito Luiz Marinho desejam a todos (as) Feliz 2012'. É oportuno lembrar que a colocação de faixas com essas mensagens demagógicas não é autorizada pela Prefeitura, cabendo, portanto, multa. Assim como pode ser entendida como propaganda eleitoral antecipada pelo Tribunal Superior Eleitoral. No ano passado muitas denúncias de casos iguais resultaram em multas altíssimas aos foras da lei.

Marcelo Sarti, São Bernardo

Conselho

Não sou lulista, porém quero parabenizar o ex-presidente Lula pelas palavras, no que se refere a uma propaganda que ele gravou. Quando tenta em suas palavras despertar os jovens brasileiros, dizendo a eles para que parem de falar mal dos políticos, ou seja, colocar mau gosto a suas ideias, logo deixa claro que o melhor político pode ser esse próprio jovem. Sendo assim, intensifica a participação de nossos jovens na política nacional. Só assim talvez tenhamos um País de cara nova.

Rosangela Caris, Mauá

Mãe dos pobres

Após um ano perdido e com muitos calos nas mãos, consequência de faxina administrativa que mal começou e o presidente de fato mandou parar, dona Dilma, neste ano, vai investir em mais uma compra disfarçada de votos, ampliando os ‘programas sociais'. Lê-se que ela pretende ser a ‘mãe dos pobres'. Desta vez, os escolhidos provavelmente serão os pobres urbanos, principalmente os de São Paulo, onde o PT, por imposição do ex-presidente, pretende na próxima eleição empurrar goela abaixo dos paulistanos o nome do incompetente, mas útil, ministro da Educação, para a prefeitura da cidade. Este País virou a casa de mãe Joana.

Humberto de Luna Freire Filho, Capital 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;