Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 27 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

São Caetano conscientiza alunos sobre alimentação

Marina Brandão/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Campanha pretende promover mudança de hábitos entre crianças e jovens e reduzir obesidade


Renata Rocha
Especial para o Diário

17/10/2014 | 07:00


 No Dia Mundial da Alimentação, celebrado ontem, a Prefeitura de São Caetano lançou o projeto São Caetano – Alimentação Saudável, que tem como meta conscientizar crianças da rede pública de ensino sobre a importância de bons hábitos de vida e alimentação balanceada e, assim, combater a obesidade infantil. Para tanto, serão distribuídos kits aos estudantes no ano que vem, contendo revista educacional, jogo da memória e álbum de figurinhas. Há também hotsite no site da Prefeitura (http://www.saocaetanodosul.sp.gov.br/) sobre o tema.

O lançamento foi realizado no Cecape (Centro de Capacitação dos Profissionais da Educação) Doutora Zilda Arns. “A escola é um espaço privilegiado. A busca pela qualidade de vida e pelo bem-estar deve estar cada vez mais presente na sociedade. Então, pensando nisso, trouxemos a proposta de passar às crianças e aos jovens novos hábitos de alimentação, dando a oportunidade para que conheçam diversos tipos de alimentos”, disse Rose Magda Fiorotti, responsável pelo setor de alimentação escolar da Prefeitura.

A primeira-dama Graça Pinheiro, que também é presidente do Fundo Social de Solidariedade de São Caetano, propôs que pais incentivem seus filhos a consumir alimentos saudáveis dentro da escola. “Temos crianças tomando insulina porque comem errado. É pacote de salgadinho, Miojo, doces. É importante levar essa campanha a sério para mudar a realidade dos dias de hoje.”

Para os educadores, o projeto aborda tema que precisa ser discutido nos estabelecimentos de ensino, já que há próximo a eles espaços onde o acesso a alimentos que não são saudáveis é facilitado. “É importante mostrar esses valores para as crianças. Na escola onde trabalho fazemos piquenique uma vez por mês e se, na semana da ação, falamos da importância de comer bem, vemos frutas no dia do evento. Porém, se passamos uma semana sem abordar o assunto, as crianças só trazem salgadinhos”, disse a diretora da Emef (Escola Municipal de Ensino Fundamental) Professor Decio Machado Gaia.

“Esse projeto é fundamental para que os professores possam orientar seus alunos, que vão transmitir os conhecimentos para os pais. A gente vê que o mundo Ocidental como um todo tem tendência à obesidade. Com o projeto, trazemos qualidade na alimentação dos alunos da rede municipal para que tenham uma vida mais saudável e longeva”, disse o Prefeito Paulo Pinheiro (PMDB).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

São Caetano conscientiza alunos sobre alimentação

Campanha pretende promover mudança de hábitos entre crianças e jovens e reduzir obesidade

Renata Rocha
Especial para o Diário

17/10/2014 | 07:00


 No Dia Mundial da Alimentação, celebrado ontem, a Prefeitura de São Caetano lançou o projeto São Caetano – Alimentação Saudável, que tem como meta conscientizar crianças da rede pública de ensino sobre a importância de bons hábitos de vida e alimentação balanceada e, assim, combater a obesidade infantil. Para tanto, serão distribuídos kits aos estudantes no ano que vem, contendo revista educacional, jogo da memória e álbum de figurinhas. Há também hotsite no site da Prefeitura (http://www.saocaetanodosul.sp.gov.br/) sobre o tema.

O lançamento foi realizado no Cecape (Centro de Capacitação dos Profissionais da Educação) Doutora Zilda Arns. “A escola é um espaço privilegiado. A busca pela qualidade de vida e pelo bem-estar deve estar cada vez mais presente na sociedade. Então, pensando nisso, trouxemos a proposta de passar às crianças e aos jovens novos hábitos de alimentação, dando a oportunidade para que conheçam diversos tipos de alimentos”, disse Rose Magda Fiorotti, responsável pelo setor de alimentação escolar da Prefeitura.

A primeira-dama Graça Pinheiro, que também é presidente do Fundo Social de Solidariedade de São Caetano, propôs que pais incentivem seus filhos a consumir alimentos saudáveis dentro da escola. “Temos crianças tomando insulina porque comem errado. É pacote de salgadinho, Miojo, doces. É importante levar essa campanha a sério para mudar a realidade dos dias de hoje.”

Para os educadores, o projeto aborda tema que precisa ser discutido nos estabelecimentos de ensino, já que há próximo a eles espaços onde o acesso a alimentos que não são saudáveis é facilitado. “É importante mostrar esses valores para as crianças. Na escola onde trabalho fazemos piquenique uma vez por mês e se, na semana da ação, falamos da importância de comer bem, vemos frutas no dia do evento. Porém, se passamos uma semana sem abordar o assunto, as crianças só trazem salgadinhos”, disse a diretora da Emef (Escola Municipal de Ensino Fundamental) Professor Decio Machado Gaia.

“Esse projeto é fundamental para que os professores possam orientar seus alunos, que vão transmitir os conhecimentos para os pais. A gente vê que o mundo Ocidental como um todo tem tendência à obesidade. Com o projeto, trazemos qualidade na alimentação dos alunos da rede municipal para que tenham uma vida mais saudável e longeva”, disse o Prefeito Paulo Pinheiro (PMDB).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;