Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 3 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Ainda em obra, ciclofaixa é criticada

Prefeitura diz que só pode fazer avaliação após espaço exclusivo ser usado


Cadu Proieti
Do Diário do Grande ABC

13/12/2011 | 07:00


Ciclistas que andarem pela ciclofaixa que a Prefeitura de Mauá está pintando na Avenida dos Manacás deverão ter problemas no caminho. A via é estreita, e quando caminhões estacionam no meio-fio, os outros veículos que passam são obrigados a invadir a área reservada para circulação de bicicletas. A ciclofaixa ainda nem foi finalizada e já causa receio na população local.

"Ninguém está gostando, porque vai ser muito perigoso. A avenida já tem muitos acidentes, e acho que agora vai aumentar", afirmou o motorista João Bosco, 20 anos. "A rua é estreita e não pode ser feito isso aqui, porque vai atrapalhar bastante. Está todo mundo reclamando", completou.

O comerciante Antonio Cláudio de Oliveira, 51, também acredita que a ciclofaixa trará problemas aos moradores. "Tinham que fazer a ciclovia no lugar do canteiro que tem no meio da avenida. A rua não tem lombada, e os carros passam em alta velocidade ao lado da faixa. É uma boa iniciativa, mas tem que fazer de um jeito que dê boas condições para o ciclista utilizar."

Para o aposentado Antonio Roberto Ferreira, o problema será maior aos sábados e domingos. "No fim de semana, quando tem mais carros estacionados, o problema será ainda maior."

De acordo com a Prefeitura, as vias estão sendo pintadas em parte da faixa da esquerda e também serão segregadas com tachões para aumentar a margem de segurança entre os veículos e os ciclistas. A previsão da administração municipal é inaugurar a ciclofaixa em março, com extensão de aproximadamente três quilômetros, e só após essa data fazer análise de possíveis mudanças no projeto original.

Além da Avenida dos Manacás, o traçado da faixa exclusiva para ciclistas passará pelas avenidas Papa João XXIII, Lasar Segall, Ricardo Nalle, além das ruas Otávio Polidoro, Mario Andreoli, Francisco Jardim, das Magnólias, das Avencas, Dália.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ainda em obra, ciclofaixa é criticada

Prefeitura diz que só pode fazer avaliação após espaço exclusivo ser usado

Cadu Proieti
Do Diário do Grande ABC

13/12/2011 | 07:00


Ciclistas que andarem pela ciclofaixa que a Prefeitura de Mauá está pintando na Avenida dos Manacás deverão ter problemas no caminho. A via é estreita, e quando caminhões estacionam no meio-fio, os outros veículos que passam são obrigados a invadir a área reservada para circulação de bicicletas. A ciclofaixa ainda nem foi finalizada e já causa receio na população local.

"Ninguém está gostando, porque vai ser muito perigoso. A avenida já tem muitos acidentes, e acho que agora vai aumentar", afirmou o motorista João Bosco, 20 anos. "A rua é estreita e não pode ser feito isso aqui, porque vai atrapalhar bastante. Está todo mundo reclamando", completou.

O comerciante Antonio Cláudio de Oliveira, 51, também acredita que a ciclofaixa trará problemas aos moradores. "Tinham que fazer a ciclovia no lugar do canteiro que tem no meio da avenida. A rua não tem lombada, e os carros passam em alta velocidade ao lado da faixa. É uma boa iniciativa, mas tem que fazer de um jeito que dê boas condições para o ciclista utilizar."

Para o aposentado Antonio Roberto Ferreira, o problema será maior aos sábados e domingos. "No fim de semana, quando tem mais carros estacionados, o problema será ainda maior."

De acordo com a Prefeitura, as vias estão sendo pintadas em parte da faixa da esquerda e também serão segregadas com tachões para aumentar a margem de segurança entre os veículos e os ciclistas. A previsão da administração municipal é inaugurar a ciclofaixa em março, com extensão de aproximadamente três quilômetros, e só após essa data fazer análise de possíveis mudanças no projeto original.

Além da Avenida dos Manacás, o traçado da faixa exclusiva para ciclistas passará pelas avenidas Papa João XXIII, Lasar Segall, Ricardo Nalle, além das ruas Otávio Polidoro, Mario Andreoli, Francisco Jardim, das Magnólias, das Avencas, Dália.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;