Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 10 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Grana possui três projetos
prioritários para firmar PPP

Denis Maciel/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Prefeito aguarda aprovação do texto, que passa de
25 para 35 anos concessão para iniciativa privada


Cynthia Tavares
Do Diário do Grande ABC

01/04/2014 | 06:31


O prefeito de Santo André, Carlos Grana (PT), possui três projetos prioritários nos moldes de PPP (Parceria Público-Privada). O chefe do Executivo aguarda aprovação da lei na Câmara, que passa de 25 para 35 anos o prazo de concessão para iniciativa privada. Na avaliação do petista, o aumento de dez anos na exploração atrai mais investidores para a cidade.

A primeira proposta com interesse da administração é a construção de estacionamento subterrâneo no Paço. Serão criadas cerca de 600 vagas, sendo que 87 ficarão à disposição da Câmara e do Fórum. O custo inicial da obra é de R$ 30 milhões, mas, dependendo do tamanho da intervenção, o valor pode mudar.

Grana informou que a iniciativa privada já manifestou interesse em conhecer melhor o projeto. “O primeiro passo é a chamada pública e já existem interessados. O futuro de Santo André é estacionamento subterrâneo e vertical. (A obra planejada no Paço) Trará pouco transtorno. Não tem como fazer omelete sem quebrar os ovos”, justificou.

O meio ambiente também deve ser contemplado com as parcerias vislumbradas pelo governo andreense. A construção da ETA (Estação de Tratamento de Água) do Parque do Pedroso deve ser viabilizada por meio de parceria. Grana reiterou que a proposta está em andamento.

A intervenção está orçada em R$ 89 milhões e o custeio deve ser do governo federal com o PAC 2 (segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento). O espaço poderá tratar até 350 litros de água por segundo.

A usina de lixo, que será feita em conjunto com Mauá, também deve ser viabilizada por PPP. “A solução dos resíduos sólidos tem que ser via PPP. A usina de lixo em Mauá deve ser nesse formato. A quantidade de resíduos sólidos de Santo André e Mauá dá um volume considerável”, analisou Grana.

A quantidade ultrapassa uma tonelada por dia – Santo André produz 700 mil quilos por dia. A produção mauaense chega a 320 mil quilos diários. O investimento será de R$ 500 milhões e não existe definição sobre a divisão dos custos.

TRAVADO
Apesar das relevâncias dos projetos que estão na alça da mira do prefeito, a propositura que aumenta o prazo de concessão não deve ser votada nesta semana. “Os vereadores estão com dúvida e devo agendar uma reunião com a secretária de Assuntos Jurídicos (Mylene Benjamin Giometti Gambale). Ela volta amanhã de férias. Acredito que o projeto não será votado nesta semana”, destacou Tiago Nogueira, secretário de Gabinete e articulador do Paço com o Legislativo.
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Grana possui três projetos
prioritários para firmar PPP

Prefeito aguarda aprovação do texto, que passa de
25 para 35 anos concessão para iniciativa privada

Cynthia Tavares
Do Diário do Grande ABC

01/04/2014 | 06:31


O prefeito de Santo André, Carlos Grana (PT), possui três projetos prioritários nos moldes de PPP (Parceria Público-Privada). O chefe do Executivo aguarda aprovação da lei na Câmara, que passa de 25 para 35 anos o prazo de concessão para iniciativa privada. Na avaliação do petista, o aumento de dez anos na exploração atrai mais investidores para a cidade.

A primeira proposta com interesse da administração é a construção de estacionamento subterrâneo no Paço. Serão criadas cerca de 600 vagas, sendo que 87 ficarão à disposição da Câmara e do Fórum. O custo inicial da obra é de R$ 30 milhões, mas, dependendo do tamanho da intervenção, o valor pode mudar.

Grana informou que a iniciativa privada já manifestou interesse em conhecer melhor o projeto. “O primeiro passo é a chamada pública e já existem interessados. O futuro de Santo André é estacionamento subterrâneo e vertical. (A obra planejada no Paço) Trará pouco transtorno. Não tem como fazer omelete sem quebrar os ovos”, justificou.

O meio ambiente também deve ser contemplado com as parcerias vislumbradas pelo governo andreense. A construção da ETA (Estação de Tratamento de Água) do Parque do Pedroso deve ser viabilizada por meio de parceria. Grana reiterou que a proposta está em andamento.

A intervenção está orçada em R$ 89 milhões e o custeio deve ser do governo federal com o PAC 2 (segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento). O espaço poderá tratar até 350 litros de água por segundo.

A usina de lixo, que será feita em conjunto com Mauá, também deve ser viabilizada por PPP. “A solução dos resíduos sólidos tem que ser via PPP. A usina de lixo em Mauá deve ser nesse formato. A quantidade de resíduos sólidos de Santo André e Mauá dá um volume considerável”, analisou Grana.

A quantidade ultrapassa uma tonelada por dia – Santo André produz 700 mil quilos por dia. A produção mauaense chega a 320 mil quilos diários. O investimento será de R$ 500 milhões e não existe definição sobre a divisão dos custos.

TRAVADO
Apesar das relevâncias dos projetos que estão na alça da mira do prefeito, a propositura que aumenta o prazo de concessão não deve ser votada nesta semana. “Os vereadores estão com dúvida e devo agendar uma reunião com a secretária de Assuntos Jurídicos (Mylene Benjamin Giometti Gambale). Ela volta amanhã de férias. Acredito que o projeto não será votado nesta semana”, destacou Tiago Nogueira, secretário de Gabinete e articulador do Paço com o Legislativo.
 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;