Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 28 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Republicanos cogita bancar Aidan como vice

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Dirigente aguarda evolução médica do ex-prefeito, indicado como número 2 da chapa de Ailton


Junior Carvalho

02/09/2020 | 00:01


A cúpula do Republicanos cogita a hipótese de levar adiante o plano de bancar o ex-prefeito Aidan Ravin, de Santo André, como vice na chapa majoritária ao lado do ex-vereador Ailton Lima (PSB), pré-candidato ao Paço, a despeito do período de 85 dias em que Aidan ficou internado vítima de complicações decorrentes do diagnóstico de Covid 19 – esteve mais da metade do tempo na UTI (Unidade de Terapia Intensiva). As tratativas envolvem aguardar até o limite do prazo das convenções partidárias, possivelmente no dia 14, para decidir sobre a composição.

Coordenador regional do Republicanos – sigla pela qual o ex-prefeito está filiado desde março, depois de deixar o Podemos –, Erisson Pessoa pontuou que “é possível mantê-lo” no posto. “Mantemos Aidan na condição de pré-candidato. A situação é avaliada com tranquilidade. Ele vem se recuperando bem, pegando musculatura, lúcido e animado. Colocou-se à disposição (do grupo). Não é ser vice, pronto e acabou. É diálogo, e estamos dando continuidade ao nome dele”, ponderou.

Com a alta médica há duas semanas, Aidan segue fazendo tratamento de fisioterapia para recuperar massa muscular – perdeu cerca de 25 quilos no hospital. A dúvida de aliados da coligação é se há tempo hábil para sua participação efetiva na campanha, uma vez que, mesmo com o adiamento da data, restam pouco mais de dois meses para o pleito municipal. O cenário limitado às ações de rua, devido à extensão da pandemia, tem exigido, por outro lado, concentração de esforços nas redes sociais – o que pode ser combustível para a definição do quadro atual.

Ailton tem dito que a decisão cabe mais a Aidan do que a ele próprio. Erisson considerou que é prematuro posicionamento neste momento, mas admite que é preciso bater o martelo a curto prazo. “Ele tem nome forte, que a gente consegue defender junto a população. Podemos em uma semana concluir essa avaliação, com auxílio da estadual. Faremos o debate interno ao lado do Aidan, temos essa liberdade. Não o desamparamos”, disse o dirigente.

Outro fator colocado na balança é o impacto da condenação do ex-prefeito em primeira instância no caso conhecido como escândalo do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André). O Diário apurou que o Republicanos estuda três outras opções. Duas delas são de fora da política tradicional da cidade.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;