Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 15 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Kina rebate Ailton Lima e alega que ficará no PSB

Vereador pondera que qualquer filiado pode pedir sua expulsão, mas que buscará reeleição


Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

21/03/2020 | 00:01


 Vereador de primeiro mandato, Jorge Kina (PSB), de Santo André, sustentou que irá permanecer no partido mesmo após correligionário pedir a sua expulsão sob alegação de desobediência às diretrizes da sigla e de o presidente municipal da legenda e pré-candidato ao Paço Ailton Lima (PSB) declarar que a legenda não terá parlamentar com mandato na chapa.

Kina alegou que buscará apoio na executiva estadual e acredita que vai se manter na cadeira pelo PSB até o fim desta legislatura, que se encerra no desfecho deste ano. Para ele, que buscará a reeleição, não existem motivos para deixar a agremiação no momento. “Todo filiado tem direito de pedir a expulsão seja de quem for. Ele está no direito dele. Eu vou me reunir com a executiva estadual e sei que vou me manter no partido. Não quero sair do PSB, uma legenda que me acolheu muito bem. Fiz até parte de sua diretoria não muito tempo atrás”, declarou o parlamentar. Em fevereiro, Kina pontuou que iria procurar a direção paulista para tratar de sua situação no partido, uma vez que considerava que a sigla não gostaria de perder um vereador. A conversa, contudo, ainda não aconteceu.

O atrito de Kina com o PSB municipal se iniciou no ano passado quando o ex-vereador Ailton Lima foi alçado a presidente do partido para se lançar pré-candidato a prefeito de Santo André. Tão logo lançou a pré-campanha, ao lado do ex-prefeito Aidan Ravin (Republicanos), o dirigente avisou que não dará legenda para que Kina dispute a eleição. À época, Ailton estendeu o aviso ao ex-vereador suplente Marcos da Farmácia (PSB), que deixou a vaga na Câmara após retorno de Almir Cicote (Avante, ex-PSB). Uma das alegações de Ailton é a de que Kina e Marcos atuaram na base de governo do prefeito Paulo Serra (PSDB). “(O filiado Italo Rafael dos Santos e Ailton Lima) Estão desatualizados. O PSB, em 2016 (ano da última eleição municipal), apoiou projeto de Paulo Serra (no segundo turno). Todos os projetos que votei, acabei percebendo que eram bons para a população, independentemente do governo.”

Ailton pontuou, porém, que o pedido de expulsão não partiu de seu grupo político e diz ter pedido levantamento ao jurídico da sigla para identificar a ficha do filiado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;