Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 27 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Diniz Lopes quer Tiririca no palanque

Pré-candidato a prefeito de Mauá tenta pegar carona no sucesso eleitoral do palhaço


Diniz Lopes quer Tiririca no palanque

04/06/2012 | 07:04


Pré-candidato a prefeito de Mauá, Diniz Lopes (PR) anuncia quem quer ter como principal cabo eleitoral de sua campanha. Diferentemente de candidatos do PT da região, que brigam pela presença do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ou do PSDB e seus aliados, que projetam a participação efetiva do governador Geraldo Alckmin, o republicano tenta pegar carona no sucesso eleitoral de Francisco Everardo Oliveira Silva, o Tiririca, seu correligionário, que em 2010 foi o deputado federal mais votado do País, com mais de 1,3 milhão de votos.

"Quero trazer o Tiririca para a convenção, a feira e tudo quanto é lugar", externa Diniz, ao tentar explicar a obsessão pelo político/humorista. "Ele é o símbolo de pessoa simples que venceu. Tem trabalhado muito na Câmara (dos Deputados). E o povo de Mauá é simples como ele. A gente se identifica."

Ambos serão protagonistas da propaganda partidária do PR que vai ao ar em rede nacional de rádio e televisão a partir de hoje. A inserção vai até domingo.

Pelo sucesso de Tiririca nas urnas em 2010, a presença do palhaço nos palanques das eleições deste ano é requisitada por candidatos a prefeito do PR de todo o País. O próprio gabinete do deputado federal reconhece que a demanda tem sido frequente. Rescaldado, Tiririca tem encaminhado os pedidos de aparições à executiva estadual do PR e ao dono do partido, seu colega de bancada Waldemar Costa Neto, réu no caso do Mensalão.

Assim, a presença de Tiririca em Mauá para pedir votos a Diniz depende do aval dos dirigentes da legenda. No entanto, não deve ser um empecilho, já que o pré-candidato possui bom trânsito com a cúpula republicana.

O deputado não retornou aos contatos da equipe do Diário. Em declaração na semana passada, afirmou que será um puxador de votos "fantástico" nas eleições municipais. "Sou um cara fantástico. O Brasil todo quer a minha presença. Acho que vou puxar muito voto."

 

EMENDA PARA MAUÁ

Logo no desfecho de seu primeiro ano de atuação no Congresso, Tiririca teve aprovada emenda ao Orçamento da União que destina R$ 300 mil à Santa Casa de Misericórdia de Mauá. Segundo previsão do diretor executivo do hospital, Harry Walendy Filho, a verba deve chegar entre o final de julho e o início de agosto. "Apresentamos o plano de trabalho e aguardamos o governo federal liberar."

Somando a de Mauá, Tiririca conquistou R$ 1,5 milhão para a manutenção e o custeio de cinco Santas Casas de São Paulo - cada uma receberá R$ 300 mil. Entre as agraciadas está também a de Mogi das Cruzes, reduto eleitoral de Waldemar Costa Neto.

 

Republicano oferece vice para Chiquinho; trabalhista recusa

 

Além de querer Tiririca no palanque, Diniz Lopes iniciou articulação para ter Francisco Carneiro, o Chiquinho do Zaíra (PTdoB), como seu candidato a vice-prefeito. Mas a tentativa de composição já naufragou. O trabalhista recusou o convite, reforçando o apoio a Irmão Ozelito (PTB).

"Seria honra ter o Chiquinho. Tivemos umas duas conversas sobre viabilidade. Seria força inigualável. Vamos ver se compõe", declarou Diniz, que pediu ajuda das executivas estadual e nacional do PR para firmar a chapa.

Mas, se depender da fala de Chiquinho, Diniz já pode procurar outro vice. "Tenho compromisso com o Ozelito. Ele é meu candidato. Qualquer coisa fora disso não existe", rebateu o ex-prefeiturável por três eleições, reiterando que será candidato a vereador em outubro.

A procura do republicano pelo trabalhista não é à toa. Chiquinho foi superintendente da Sama (Saneamento Básico do Município de Mauá) e responsável pela articulação política do governo interino de Diniz em Mauá, em 2005.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Diniz Lopes quer Tiririca no palanque

Pré-candidato a prefeito de Mauá tenta pegar carona no sucesso eleitoral do palhaço

Diniz Lopes quer Tiririca no palanque

04/06/2012 | 07:04


Pré-candidato a prefeito de Mauá, Diniz Lopes (PR) anuncia quem quer ter como principal cabo eleitoral de sua campanha. Diferentemente de candidatos do PT da região, que brigam pela presença do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ou do PSDB e seus aliados, que projetam a participação efetiva do governador Geraldo Alckmin, o republicano tenta pegar carona no sucesso eleitoral de Francisco Everardo Oliveira Silva, o Tiririca, seu correligionário, que em 2010 foi o deputado federal mais votado do País, com mais de 1,3 milhão de votos.

"Quero trazer o Tiririca para a convenção, a feira e tudo quanto é lugar", externa Diniz, ao tentar explicar a obsessão pelo político/humorista. "Ele é o símbolo de pessoa simples que venceu. Tem trabalhado muito na Câmara (dos Deputados). E o povo de Mauá é simples como ele. A gente se identifica."

Ambos serão protagonistas da propaganda partidária do PR que vai ao ar em rede nacional de rádio e televisão a partir de hoje. A inserção vai até domingo.

Pelo sucesso de Tiririca nas urnas em 2010, a presença do palhaço nos palanques das eleições deste ano é requisitada por candidatos a prefeito do PR de todo o País. O próprio gabinete do deputado federal reconhece que a demanda tem sido frequente. Rescaldado, Tiririca tem encaminhado os pedidos de aparições à executiva estadual do PR e ao dono do partido, seu colega de bancada Waldemar Costa Neto, réu no caso do Mensalão.

Assim, a presença de Tiririca em Mauá para pedir votos a Diniz depende do aval dos dirigentes da legenda. No entanto, não deve ser um empecilho, já que o pré-candidato possui bom trânsito com a cúpula republicana.

O deputado não retornou aos contatos da equipe do Diário. Em declaração na semana passada, afirmou que será um puxador de votos "fantástico" nas eleições municipais. "Sou um cara fantástico. O Brasil todo quer a minha presença. Acho que vou puxar muito voto."

 

EMENDA PARA MAUÁ

Logo no desfecho de seu primeiro ano de atuação no Congresso, Tiririca teve aprovada emenda ao Orçamento da União que destina R$ 300 mil à Santa Casa de Misericórdia de Mauá. Segundo previsão do diretor executivo do hospital, Harry Walendy Filho, a verba deve chegar entre o final de julho e o início de agosto. "Apresentamos o plano de trabalho e aguardamos o governo federal liberar."

Somando a de Mauá, Tiririca conquistou R$ 1,5 milhão para a manutenção e o custeio de cinco Santas Casas de São Paulo - cada uma receberá R$ 300 mil. Entre as agraciadas está também a de Mogi das Cruzes, reduto eleitoral de Waldemar Costa Neto.

 

Republicano oferece vice para Chiquinho; trabalhista recusa

 

Além de querer Tiririca no palanque, Diniz Lopes iniciou articulação para ter Francisco Carneiro, o Chiquinho do Zaíra (PTdoB), como seu candidato a vice-prefeito. Mas a tentativa de composição já naufragou. O trabalhista recusou o convite, reforçando o apoio a Irmão Ozelito (PTB).

"Seria honra ter o Chiquinho. Tivemos umas duas conversas sobre viabilidade. Seria força inigualável. Vamos ver se compõe", declarou Diniz, que pediu ajuda das executivas estadual e nacional do PR para firmar a chapa.

Mas, se depender da fala de Chiquinho, Diniz já pode procurar outro vice. "Tenho compromisso com o Ozelito. Ele é meu candidato. Qualquer coisa fora disso não existe", rebateu o ex-prefeiturável por três eleições, reiterando que será candidato a vereador em outubro.

A procura do republicano pelo trabalhista não é à toa. Chiquinho foi superintendente da Sama (Saneamento Básico do Município de Mauá) e responsável pela articulação política do governo interino de Diniz em Mauá, em 2005.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;