Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 28 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Vida e morte de uma indústria chamada Elni

Uma das dificuldades encontradas pela equipe que elaborou o dossiê sobre o estádio da Vila Euclides, em São Bernardo, foi obter informações...


Ademir Medici
Do Diário do Grande ABC

10/04/2010 | 00:00


Uma das dificuldades encontradas pela equipe que elaborou o dossiê sobre o estádio da Vila Euclides, em São Bernardo, foi obter informações sobre a indústria Elni. No ramo têxtil, a Elni foi uma das primeiras da cidade na Era da Via Anchieta. E foi a Elni que construiu a praça de esportes do atual estádio.

Coube à empresa Rudert construir as instalações da Elni, a partir de 1947. Foi também a construtora quem obteve autorização da Prefeitura para trocar o antigo nome da Rua do Cemitério para Rua da Elni, hoje Avenida Redenção. Oficialmente, a Elni de Produtos Manufaturados entrou em operação em 1950.

Uma fábrica com o prêmio da loteria

Texto: Nevino Antonio Rocco

Lembrei-me do que me relatou um cliente que, nos idos de 1947, dividia um quarto de pensão na Rua Silveira Martins (rua que liga a Tabatinguera à Praça Clóvis, hoje Sé), com Evaristo Fernandes.

Esse seu companheiro, Evaristo Fernandes, acertou na Loteria Federal e abiscoitou um prêmio de 2 milhões de cruzeiros. Comprou o terreno, edificou a Elni e a pôs a produzir.

Formado em Direito (turma 1960 da USP), inscrito na OAB-SP, começando a advogar, atendi a alguns empregados da Elni reclamando pagamento de salários atrasados. Pelos que me procuravam, ajuizava logo a ação trabalhista. Na primeira audiência, ou a reclamada Elni pagava o atrasado ou sujeitava-se a pagamento com multa, como previsto na CLT. A maioria, porém, dirigia-se ao Sindicato dos Tecelões. Começava a exibição. Assembleias gerais. Câmara Municipal. Greve... Quando chegava às portas da Justiça do Trabalho, meus clientes já estavam saindo com o pagamento no bolso.

A fase ruim da Elni foi-se repetindo até que a Câmara Municipal, fazendo média com os trabalhadores, mudou o nome da Avenida Elni para Avenida Redenção. A empresa quebrou, mas terminou salva pela desapropriação, e os políticos ficaram bem com o povo, que acreditou, e com os empresários tudo bem resolvido.

À época não havia nascido a Santa Tecnologia que, hoje, grava tudo, som, imagens e pensamentos.

NAS ONDAS DO RÁDIO

USP FM (93,7). Memória. Verdades da Vida, um antigo programa do rádio brasileiro. Produção e apresentação: Milton Parron. Trabalhos técnicos: Cido Tavares.

Hoje, às 9h.

Trianon AM (740). Quinta Avenida. Hoje: duas orquestras em cartaz, a do violinista Paulo Whiteman, o rei do jazz; e a big band do vibrafonista Red Norvo; amanhã: especial com a cantora Peggy Lee. Produção e apresentação: Ronaldo Benvenga, com Marcelo de Almeida; coordenação: Lucas Neto. Hoje, às 19h; amanhã, às 9h. Na internet: www.comercialderadio.com.br e www.quintaavenida.mus.br .

Bandeirantes AM (840) e FM (90,9). Memória. A história das Copas do Mundo (3ª parte). Produção e apresentação: Milton Parron. Hoje, às 23h, com reprise amanhã, às 5h.

ABC AM (1570). Viagem no Tempo. A música jovem dos anos 1950 a 1980; e propagandas da mídia da época. Produção e apresentação: Marcelo Duarte. Amanhã, das 8h às 9h. Contato: viagemnotempo@radioabc.com.br .

Pérola da Serra (87,5). Reminiscências. Notas e casos de Ribeirão Pires. Com Américo e Lina Del Corto, Octavio David Filho, Idmir Pedro dos Santos, Walter Gallo, Idair F. Santos, Antonio Simões, Pedro Cordeiro e Ademar Bertoldo. Amanhã, das 9h às 12h. Visite o site: www.peroladaserrafm.com.br .

DIÁRIO HÁ 30 ANOS

Quinta-feira, 10 de abril de 1980

Manchete - Temporal de meia hora inunda região

Campanha salarial - Em São Caetano a greve já terminou.

Trabalhadores

Nascem em 10 de abril:

1897 - José Lazarini. Natural de Laranjal. Associado nº 242 do Sindicato dos Químicos. Misturador de acetol da Rhodia Química. Residência: Rua Oratório, Santo André.

1907 - José dos Santos Gonçalves. Natural de Avaré (SP). Associado nº 555 do Sindicato dos Químicos. Carpinteiro da Companhia Brasileira Cibra. Residência: Rua Minas Gerais.

A greve dos 41 dias - 10º dia

Segundo os sindicalistas, a greve dos metalúrgicos prosseguia em São Bernardo e Diadema (com 90% de adesão), Santo André, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra (70%) e Araraquara (2,5%).

Entre os repórteres-fotográficos do Diário, Aidalvo Luiz dos Reis. Ele nasceu em Salvador (BA), em 14 de outubro de 1942. Trabalhou conosco entre 1979 e 1981.

MUNICÍPIOS PAULISTAS

Juquiá (fundada em 1829), Serrana (1890) e Artur Nogueira (1904). As três cidades foram instaladas em 10 de abril de 1949, quando se separam, respectivamente, de Miracatu, Mogi Mirim e Cravinhos.

HOJE

Dia do Engenheiro Metalúrgico, Dia da Engenharia Militar e Dia do Prefeito.

SANTOS DO DIA

Ezequiel, Macário, Miguel dos Santos, Pompeu e Terêncio.

Na estampa, São Macário, que nasceu na Armênia no século 11. Foi bispo em Antioquia, sua terra natal, e propagador da palavra de Deus na Palestina.

Crédito da estampa: acervo Vangelista Bazani (Gili) e João de Deus Martinez.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;