Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 23 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

MTST cobra área para assembleia em Mauá

Denis Maciel/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Integrantes da ocupação Oziel Alves foram recebidos por equipe da Secretaria de Habitação


Juliana Stern
Especial para o Diário

02/02/2018 | 07:00


Famílias do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto) realizaram protesto, ontem, em frente à Prefeitura de Mauá. O grupo pede a retomada da construção de moradias e permissão para realizar assembleias na ocupação Oziel Alves, localizada no Jardim Oratório, em Mauá, desde 2015.

De acordo com organizadores, 700 pessoas participaram do protesto, entre famílias mauaenses e apoiadores de outras regiões, como São Bernardo e da Capital. A manifestação foi pacífica e se dissipou por volta das 15h30.

Segundo um dos coordenadores do movimento, Josué Rocha, 29 anos, a administração impediu que assembleias fossem realizadas no acampamento. “A Prefeitura impediu que as famílias utilizassem o espaço para esses encontros. A discussão hoje foca em recuperar isso”, afirma Rocha.

O grupo alega que barracão utilizado para a realização das plenárias mensais no acampamento foi removido para a construção do Parque Linear do Jardim Oratório, entregue em dezembro do ano passado.

Representantes da Secretaria de Habitação de Mauá receberam comissão de manifestantes. De acordo com a administração, houve o compromisso, por parte da Prefeitura, de não intervir nas assembleias do grupo no local.

Sobre a construção de moradias para 1.600 famílias em área de 243 mil metros quadrados no Jardim Oratório, não houve avanço. O terreno em questão, de propriedade da Dersa, é remanescente das desapropriações necessárias para a implantação do Complexo Jacu-Pêssego, que liga a cidade à Capital.

 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;