Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 20 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Termina rebelião na Febem Raposo Tavares


Do Diário OnLine

08/03/2005 | 14:25


De acordo com a assessoria da Febem, os rebelados fizeram nove reféns na unidade 27, entre eles a diretora Sônia Fernandes Alves. O diretor da unidade 28, Agnaldo da Silva, também ficou em poder dos infratores. Eles foram libertados após negociação.

Durante a fuga, três vigilantes da Febem foram feridos levemente pelos internos. Pelo menos 50 infratores que tentaram escapar da unidade foram impedidos.

Os policiais militares e vigias da Febem vão realizar uma revista nas três unidades do Complexo Raposo Tavares.

Alckmin- O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, afirmou nesta terça que as seguidas rebeliões na Febem fazem parte do processo de transição pelo qual a instituição está passando.

Ele destacou ainda que as unidades onde os problemas ocorrem "são sempre as mesmas": Franco da Rocha, Vila Maria e Raposo Tavares.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Termina rebelião na Febem Raposo Tavares

Do Diário OnLine

08/03/2005 | 14:25


De acordo com a assessoria da Febem, os rebelados fizeram nove reféns na unidade 27, entre eles a diretora Sônia Fernandes Alves. O diretor da unidade 28, Agnaldo da Silva, também ficou em poder dos infratores. Eles foram libertados após negociação.

Durante a fuga, três vigilantes da Febem foram feridos levemente pelos internos. Pelo menos 50 infratores que tentaram escapar da unidade foram impedidos.

Os policiais militares e vigias da Febem vão realizar uma revista nas três unidades do Complexo Raposo Tavares.

Alckmin- O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, afirmou nesta terça que as seguidas rebeliões na Febem fazem parte do processo de transição pelo qual a instituição está passando.

Ele destacou ainda que as unidades onde os problemas ocorrem "são sempre as mesmas": Franco da Rocha, Vila Maria e Raposo Tavares.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;