Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 7 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Cai número de acidentes nos 3 meses da nova Imigrantes


Samir Siviero
Do Diário do Grande ABC

16/03/2003 | 21:05


A nova pista da rodovia dos Imigrantes enfrentou seus três primeiros meses em uso, completados nesta segunda-feira, com mais tráfego e menos acidentes do que no mesmo período do ano passado. Nos feriados de Natal, Ano-Novo e Carnaval desse verão, o sistema Anchieta/Imigrantes (administrado pela concessionária Ecovias) teve aproximadamente 1,5 milhão de carros circulando, o que significa mais de 300 mil veículos em relação aos mesmos feriados do ano passado. Mas o motorista não se livrou completamente dos congestionamentos: eles foram registrados na rodovia Padre Manoel da Nóbrega, na Baixada Santista.

Nesses três primeiros meses, a Ecovias registrou 56 acidentes, o que significa uma redução de 55% em comparação à temporada passada, quando as ocorrências chegaram a 124. O índice de acidentes por cada um milhão de quilômetros rodados, que é uma referência internacional para cálculo de ocorrências, caiu de 6 para 2,11.

Entre 18 de dezembro até quarta-feira passada, o tráfego no sistema Anchieta/Imigrantes foi de 4.261.416 veículos, sendo que na nova Imigrantes (a pista Sul) circularam 2.526.818 carros. Nos feriados de Natal, Ano-Novo e Carnaval, a circulação foi de 1.548.801 veículos. No ano passado, foi de 1.241.654.

Para o diretor de operações da Ecovias, Hamilton Amadeo, a redução nos índices de acidentes é o melhor resultado desses três primeiros meses. “Como tivemos essa nova pista, o trânsito ficou melhor distribuído e tivemos a redução nos acidentes.”

Enquanto a nova Imigrantes causou curiosidade e levou muitos veículos à Baixada, as duas pistas da Anchieta tiveram trânsito mais tranqüilo e viraram uma boa opção para descer a Serra do Mar, principalmente para os moradores do Grande ABC. “A Anchieta ficou às moscas. Tínhamos até uma operação específica para a via que nem precisou ser implementada porque o trânsito (na Anchieta) foi menor”, disse Amadeo.

A segunda pista da Imigrantes foi inaugurada em 17 de dezembro e sua construção consumiu mais de R$ 870 milhões. A pista acrescentou três faixas ao sistema Anchieta/Imigrantes e tem três túneis que totalizam 8,2 km de extensão.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Cai número de acidentes nos 3 meses da nova Imigrantes

Samir Siviero
Do Diário do Grande ABC

16/03/2003 | 21:05


A nova pista da rodovia dos Imigrantes enfrentou seus três primeiros meses em uso, completados nesta segunda-feira, com mais tráfego e menos acidentes do que no mesmo período do ano passado. Nos feriados de Natal, Ano-Novo e Carnaval desse verão, o sistema Anchieta/Imigrantes (administrado pela concessionária Ecovias) teve aproximadamente 1,5 milhão de carros circulando, o que significa mais de 300 mil veículos em relação aos mesmos feriados do ano passado. Mas o motorista não se livrou completamente dos congestionamentos: eles foram registrados na rodovia Padre Manoel da Nóbrega, na Baixada Santista.

Nesses três primeiros meses, a Ecovias registrou 56 acidentes, o que significa uma redução de 55% em comparação à temporada passada, quando as ocorrências chegaram a 124. O índice de acidentes por cada um milhão de quilômetros rodados, que é uma referência internacional para cálculo de ocorrências, caiu de 6 para 2,11.

Entre 18 de dezembro até quarta-feira passada, o tráfego no sistema Anchieta/Imigrantes foi de 4.261.416 veículos, sendo que na nova Imigrantes (a pista Sul) circularam 2.526.818 carros. Nos feriados de Natal, Ano-Novo e Carnaval, a circulação foi de 1.548.801 veículos. No ano passado, foi de 1.241.654.

Para o diretor de operações da Ecovias, Hamilton Amadeo, a redução nos índices de acidentes é o melhor resultado desses três primeiros meses. “Como tivemos essa nova pista, o trânsito ficou melhor distribuído e tivemos a redução nos acidentes.”

Enquanto a nova Imigrantes causou curiosidade e levou muitos veículos à Baixada, as duas pistas da Anchieta tiveram trânsito mais tranqüilo e viraram uma boa opção para descer a Serra do Mar, principalmente para os moradores do Grande ABC. “A Anchieta ficou às moscas. Tínhamos até uma operação específica para a via que nem precisou ser implementada porque o trânsito (na Anchieta) foi menor”, disse Amadeo.

A segunda pista da Imigrantes foi inaugurada em 17 de dezembro e sua construção consumiu mais de R$ 870 milhões. A pista acrescentou três faixas ao sistema Anchieta/Imigrantes e tem três túneis que totalizam 8,2 km de extensão.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;