Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 28 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Paciente, craque da base palmeirense nega salário alto



10/10/2014 | 07:00


Tratado como um dos maiores talentos dos últimos anos da base do Palmeiras, o jovem Gabriel Fernando, de 17 anos, chama atenção pelos números, postura e personalidade. Para evitar a perda de uma joia, a diretoria está em vias de renovar o contrato do garoto, que provoca espanto pelo que tem feito na base. Falta definir apenas o tempo de contrato, que deve ser de quatro ou cinco anos.

No Campeonato Paulista Sub-17, Gabriel já fez 31 gols. O vice-artilheiro é Claudinho, do Santos, com 18. O garoto tem contrato com o Palmeiras até dezembro do ano que vem, mas as negociações para renovar estão bem adiantadas. Ao contrário de jovens talentos de outros clubes, o meia não pensa, por enquanto, em grandes cifras.

"Mostramos que ele precisa ter paciência e não achar que já pode sair recebendo R$ 300 mil. Ele tem de receber o que é proporcional à idade, até para não mexer demais com a cabeça. Ele vai receber bem menos de R$ 50 mil. Não tem o porquê ser mais. Ele é novo e tem muito pela frente", disse Fábio Caran, empresário do garoto, em entrevista exclusiva à reportagem.

Gabriel Fernando chegou a ficar no banco de reservas do time principal no dia 27 de agosto contra o Atlético Mineiro, no estádio do Pacaembu, em São Paulo. O menino voltou para a base, mas não mostra preocupação. "Ele sabe que é natural, até porque está em renovação de contrato e é muito jovem. Mas o Gabriel é muito grato ao Palmeiras, pretende ficar e dar retorno ao clube", disse Caran.

O agente assegura que as notícias de que clubes fizeram propostas ao garoto não passam de boatos. "Ninguém falou com a gente, nem vamos falar. Seria até desonesto fazer isso com o Palmeiras, que sempre honrou com tudo que foi combinado", explicou. "Me falaram que o São Paulo até tinha dado uma casa para o pai do garoto para levá-lo. O pai do Gabriel é falecido", contou, rindo da situação.

Caran espera apenas que seu sócio Célio Cristiano retorne de viagem para fechar o acordo com o Palmeiras, algo que deve acontecer em cerca de 15 dias.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;