Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 24 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Doce e saborosa pitanga


Camilla Feltrin
Especial para o Diário

30/09/2012 | 07:00


De acordo com a Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), essa é a melhor época para colher pitangas em todo o País. As pitangueiras costumam frutificar de outubro até janeiro.

Segundo Andrea Xavier, nutricionista especialista em alimentos funcionais, do restaurante Vegethus, em Santo André, a fruta é rica em antioxidantes, flavonoides e carotenoides, substâncias que retardam as ações do envelhecimento.

O tom avermelhado é característica do alto índice de licopeno, substância presente na goiaba, tomate, pimentão e mamão. Essa substância tem como principal característica a ação antioxidante contra os radicais livres, responsáveis por doenças cardiovasculares e tumores.

A profissional recomenda o consumo de pitanga de modo preventivo. "Em períodos em que ficamos expostos às mudanças climáticas ou em situações de estresse, em que o sistema imunológico baixa."

Andrea destaca que a frutinha é rica em vitamina C, vitaminas do complexo B, ferro, cálcio e fósforo. "A pitanga pode fortalecer todo o sistema imunológico, combatendo doenças oportunistas".

Substâncias presentes na fruta com alto índice é a vitamina C (24, 9 mg) e a concentração de potássio (113 mg). Esses números costumam ser menores em polpas congeladas. No caso do potásssio, as 113 mg caem para 87 mg.

Assim como a amora, não só o fruto é consumido. As folhas têm poderes nutricionais e são amplamente utilizadas como chás. "Estudos comprovam que o uso excessivo do chá da folha de pitanga pode levar a perdas significativas em potássio, que pode até afetar a frequência cardíaca", alerta a nutricionista.        


MUSSE DE PITANGA VEGANO
chef Andrea Xavier
 
Ingredientes
1 copo de pitanga fresca ou 100 g de polpa de pitanga concentrada orgânica (congelada)
1 lata de leite condensado de soja
1 lata de creme de leite de soja
1 colher (sopa) de linhaça em grão  

Modo de preparo
Se utilizar a fruta in natura, retire o caroço, higienize a fruta e bata no liquidificador com o leite condensado de soja e o creme de leite até adquirir uma consistência firme. No caso das frutas congeladas, bata a polpa, o leite condensado e o creme de leite de soja no liquidificador por 10 minutos. Despeje o conteúdo em tacinhas e deixe na geladeira por duas horas até adquirir consistência de mousse. Utilize grãos de linhaça para a decoração.    

TAPA DE PICANHA DEFUMADA COM MOLHO DE PITANGA
chef Marcos Livi

Ingredientes
1 peça de picanha defumada fatiada em 10 partes
100 g de pitanga sem caroço
1 ovo
1 colher (chá) de vinagre 250 ml de óleo de soja
1 pitada de sal  

Modo de preparo
No liquidificador, junte o ovo, a pitanga, o vinagre e o sal. Bata até que fique uma mistura homogênea, aos poucos adicione óleo até dar o ponto cremoso de maionese. Em um prato raso coloque as fatias de picanha defumada em seguida pingos do allioli de pitanga. Caso queira, utilize fatias de pão ciabatta na base.    

BOLO COM CALDA DE CHOCOLATE E PITANGA
chef Ana Luiza Trajano  

Ingredientes
600 g de chocolate meio amargo
450 g de açúcar
350 g de manteiga
12 ovos
190 g de farinha de arroz
200 g de sorbet de pitanga (pitanga, glicose de milho, suco de limão e açúcar)

Para a calda de chocolate
80 g de chocolate 50% cacau
20 ml de leite
10 g de manteiga

Modo de preparo
Derreta em banho-maria o chocolate com a manteiga. Esperar esfriar um pouco e adicione a farinha de arroz à mistura de chocolate. Ao mesmo tempo, junte, em uma batedeira, os ovos com o açúcar até a mistura ficar bem leve. Adicione a mistura de ovo ao chocolate delicadamente, com ajuda de uma espátula.
Unte a fôrma de bolo com manteiga e farinha de arroz e leve o bolo para assar em forno preaquecido por 25 minutos. Espere o bolo pronto esfriar para cortá-lo. No momento de servir, esquente o bolo por 30 segundos no micro-ondas. Para a calda de chocolate, derreta o chocolate em banho-maria e, fora do fogo, adicione o leite e a manteiga. Para a montagem, coloque uma colher de sopa de calda de chocolate por baixo do bolo em formato circular, polvilhe açúcar de confeiteiro por cima. Ao lado, coloque farofa de castanha de caju e a bola de sorbet de pitanga. Sirva imediatamente.

 

 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;